Área do antigo estádio pode abrigar nova delegacia da Polícia Federal

Prefeito disse que pretende doar área para construção de novo prédio

Por
· 1 min de leitura
Atual sede deve ser desocupada pela PFAtual sede deve ser desocupada pela PF
Atual sede deve ser desocupada pela PF
Você prefere ouvir essa matéria?

O prefeito de Passo Fundo, Luciano Azevedo (PSB), sinalizou que pretende doar o espaço do antigo Estádio Municipal Delmar Sitoni para a Polícia Federal de Passo Fundo construir uma nova delegacia. "O Município reconhece o relevante trabalho prestado pela Polícia Federal e pretende, com a doação da área, que a Delegacia tenha uma sede definitiva em Passo Fundo. Além da destacada atuação em nível nacional, a Polícia Federal tem grande importância para a nossa região", disse em nota.


O estádio está localizado na Vila Fátima e já foi alvo, em outras gestões, de projetos que não foram adiante.


O delegado da Polícia Federal Sandro Luiz Bernardi disse que não tinha conhecimento do projeto de doação da área, mas destacou que a Superintendência da Polícia Federal havia apresentado uma demanda ao município e que, na época, Luciano havia se mostrado receptivo.

“A construção de uma nova Delegacia é uma necessidade da PF, pois o prédio atual já não atende às necessidades, tanto para o trabalho interno quanto no atendimento ao público. A nossa superintendência apresentou a demanda ao Município e o prefeito municipal se mostrou bastante receptivo à ideia, de forma que estamos confiantes de que esse projeto vai se concretizar”, pontuou Bernardi.

Hoje a sede da Polícia Federal em Passo Fundo está localizada na Avenida Sete de Setembro, no Centro da cidade, em um prédio que por anos foi destinado a residência de militares.

Em maio, quando Bernardi assumiu a Delegacia em Passo Fundo, ele já havia sinalizado a necessidade de se buscar um novo espaço.

Para concretização da doação da área o Executivo deve fazer um Projeto de Lei e apresentar ao Legislativo para ser votado. Caso aprovado será necessário uma licitação pela Superintendência para a construção do prédio novo.

“Mas estamos confiantes e, caso concretizado, a comunidade de Passo Fundo e região será beneficiada”, defendeu Bernardi.

Gostou? Compartilhe