Parceria agiliza vacinação de caminhoneiros

Trabalhadores receberam a imunização contra a gripe na empresa BSBIOS

Por
· 1 min de leitura
DIVULGAÇÃO BSBIOSDIVULGAÇÃO BSBIOS
DIVULGAÇÃO BSBIOS
Você prefere ouvir essa matéria?

A BSBIOS, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde – SMS de Passo Fundo, realizou na manhã de ontem (23) a aplicação de vacina contra a gripe para caminhoneiros, público-alvo da segunda fase da campanha nacional. A ação foi uma solicitação da companhia, que recebe diariamente mais de 400 motoristas nas suas dependências.

Para o coordenador de Logística da empresa, Gustavo Santana Flores, essa ação fortalece os trabalhadores das estradas. “Os caminhoneiros não pararam, estão ajudando a manter a economia e o abastecimento do país, precisamos nos unir nesse momento,” salientou Gustavo, contando que a companhia realiza frequentemente ações em prol dos motoristas.

A Enfermeira do Trabalho da BSBIOS, Francieli Trindade Webber, ressaltou a importância da iniciativa. “Beneficiá-los com o acesso a vacinação é uma ótima forma de contribuir com a prevenção da gripe e de valorizar o trabalho deles,” falou Francieli, agradecendo a Secretaria que atendeu ao pedido da empresa.

 Para a enfermeira da Secretaria Municipal de Saúde de Passo Fundo, Daiane Trentin, as parcerias que estão sendo efetuadas são fundamentais. “É importante, que quando a SMS tem possibilidade, possa facilitar o acesso às pessoas. Com essa estratégia evitamos aglomerações, possibilitamos o distanciamento social, além de atingirmos um público maior,” ressaltou ela, lembrando a pulverização de ações que a secretaria tem feito para atingir o maior número de pessoas, como o drive-thru da vacinação, atendimentos domiciliar, parceria em locais estratégicos e postos de saúde.

Estímulo

 O motorista Ildoir Delis Paes, de 65 anos, de Passo Fundo, destacou que apesar de estar contemplado na primeira etapa da campanha, por ter mais de 60 anos, ainda não havia encontrado tempo para fazer. “Estamos sempre na estrada e aqui facilitou para que possamos fazer a vacina, é um estímulo a mais,” destacou ele, se dizendo preocupado com todas as notícias a respeito do Covid-19.

 Já o caminhoneiro, Claudio Meneguzzi, de 58 anos, elogiou a iniciativa. “Eu não ia fazer a vacina se não tivesse essa oportunidade,” contou ele. O mesmo foi relatado por Milton Schmidt, de 51 anos. “Eu nunca fiz a vacina contra a gripe, tenho até medo, mas diante de todas essas notícias e, com esse incentivo, vou fazer para me prevenir,” salientou Schmidt.

A ação contou também com o apoio do SEST SENAT, que esteve no local distribuindo água, sanduíche e um folder com orientações aos motoristas sobre o COVID-19.

Gostou? Compartilhe