Mais efetivo e verba para nova DPPA são cobrados em Porto Alegre

Luiz Miguel Scheis (PDT) esteve com vice-governador e outras autoridades

Por
· 1 min de leitura
Crédito:

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

O vereador Luiz Miguel Scheis (PDT) esteve em Porto Alegre na terça-feira (23) representando a Câmara de Vereadores de Passo Fundo para debater com autoridades medidas que garantam mais efetivo e infra-estrutura para a segurança pública do município. Ele se reuniu com o vice-governador e secretário de Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior, o deputado estadual Mateus Wesp e seu chefe de gabinete, Lucas Cidade, no Centro Administrativo Fernando Ferrari.

 

Na ocasião foi solicitado o aumento do efetivo das polícias, Civil e Militar, além da implementação do Programa RS Seguro na região – plano de medidas estruturantes para combater a criminalidade com aplicação de políticas sociais preventivas e transversais. “Este programa, além de oferecer grande auxílio à comunidade, irá fortalecer o contingente de nossa cidade”, destacou Scheis.

 

Durante o encontro também foi debatido a agilização de liberação da verba para a construção de uma nova Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), atualmente junto à primeira Delegacia de Polícia de Passo Fundo.

 

Após, o vereador cumpriu agenda na sede da Associação dos Comissários de Polícia do Rio Grande do Sul (ACP/RS, onde conversou com o comissário Luiz Cezar Mello, acompanhado do vice-governador, sobre a liberação do abono permanência aos funcionários que já possuem tempo suficiente para aposentadoria e que, no entanto, permanecem na ativa. O vereador entende se tratar de uma importante medida para a segurança pública estadual. “Esta ação é de suma importância para evitar ainda mais a defasagem de policiais em nosso estado”, destacou.

Gostou? Compartilhe