Médico tem o carro roubado no ESF da Hípica

Veículo foi recuperado pela Brigada Militar no fim da manhã de segunda-feira em uma residência no Loteamento Parque do Sol

Por
· 2 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Os funcionários do Programa de Estratégia de Saúde da Família (ESF) do bairro Hípica na Rua Tapejara foram vítimas de um assalto durante a manhã de segunda-feira (17). Por volta das 10h15, dois homens chegaram ao local, um deles armado com um revólver e renderam uma funcionária, perguntando a ela onde estava o médico, pois queriam as chaves da caminhonete Montana de cor branca estacionada em frente ao imóvel. Eles fizeram a funcionária entrar no consultório onde o médico estava e roubaram-lhes as chaves do veículo, e os telefones celulares das vítimas. Depois de roubarem as vítimas e deixá-las trancadas no banheiro, os criminosos fugiram um deles em uma motocicleta e o outro com a caminhonete do médico.

Segundo o secretário da Saúde Luiz Artur Rosa Filho, a própria estrutura do imóvel utilizado pelo ESF no bairro Hípica torna a questão da segurança no local preocupante. “O que necessitamos é da construção de unidades que comportem seguranças, alguém para se ocupar com a segurança dos trabalhadores. Esta unidade que foi assaltada fica em um imóvel alugado, não temos nem a possibilidade legal de realizar grandes investimentos em segurança. Precisamos cada vez mais avançar para unidades próprias, maiores mais confortáveis, inclusive com melhor estrutura de segurança”, disse ele que inclusive já foi vítima de assalto em 2010 quando trabalhava na unidade do bairro Nossa Senhora Aparecida.

Também conforme o secretário, as unidades espalhadas pelos bairros têm histórico de assaltos. “Sempre que somos assaltados enfatizamos junto à Brigada Militar a necessidade de vigilância destas unidades. Nesta região onde houve o assalto há uma unidade quase pronta no Nenê Graeff que contará com serviço de portaria. É isto que precisamos, unidades maiores com mais gente trabalhando e, portanto, mais seguras”, afirmou. O ESF permaneceria fechado pelo resto do dia na segunda e na terça-feira, reabrindo normalmente na quarta-feira (19).

Caminhonete foi recuperada pouco tempo após o assalto

Ainda durante a manhã, a Brigada Militar recebeu uma denúncia de que em uma residência na Rua Silvino Rosa Azeredo, no Loteamento Parque do Sol havia um veículo roubado. Uma guarnição foi deslocada para o endereço e, quando chegaram os policiais conseguiram ver por um espaço aberto pela porta da garagem a caminhonete Montana roubada, além de um homem que tentava se esconder. Os policiais entraram na garagem e detiveram um adolescente de 17 anos e que se identificou como o caseiro.

O jovem foi encaminhado à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento, mas  não foi reconhecido pelas vítimas. Ele foi autuado por receptação e em seguida liberado. A caminhonete foi encaminhada ao pátio do guincho à disposição do proprietário.

 

Gostou? Compartilhe