Armas são apreendidas em Passo Fundo durante Operação Penha

A operação aconteceu em todo o RS e teve o objetivo de combater a violência contra a mulher

Por
· 1 min de leitura
Divulgação/ONDivulgação/ON
Divulgação/ON
Você prefere ouvir essa matéria?

A Polícia Civil deflagrou, na quinta-feira (20), a Operação Penha, no combate à violência doméstica e familiar contra a mulher. Foram cumpridas ordens judiciais por descumprimento de Medidas Protetivas de Urgência e Feminicídios, bem como a fiscalização de Medidas Protetivas de Urgência e verificação de denúncias em várias regiões do RS.

A Operação Penha aconteceu em todo o Rio Grande do Sul e contou com a participação das 23 Delegacias Especializadas no Atendimento à Mulher. Ela é alusiva ao mês de agosto, no qual se celebra o aniversário de 14 anos da Lei Maria da Penha.

Em todos estado foram cumpridos 68 mandados de busca e apreensão e 18 mandados de prisão, resultando em nove prisões. Durante a ação foram realizadas 71 verificações de medidas protetivas de urgência e 245 verificações de denúncias de violência doméstica. A operação contou com mais de 180 policiais civis.

Na cidade de Passo Fundo os trabalhos foram coordenados pela delegada substituta da Delegacia da Mulher, Daniela Oliveira Minetto. Seis policiais participaram da operação, sendo cumpridos quatro mandados de busca e apreensão, e foram apreendidas duas armas, além de munição. Também foram verificadas oito denúncias de violência contra a mulher.

Gostou? Compartilhe