Caso Bernardo: vídeo anexado mostra pedido de socorro

Prova de acusação mostra a madrasta ameaçando Bernardo

Por
· 1 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Na manhã de terça-feira (26), foi realizada uma audiência de instrução, que investiga a morte do menino Bernardo Boldrini, em abril deste ano. Um vídeo foi anexado a investigação do caso e serve de prova de acusação contra o pai e a madrasta do menino. 

No vídeo, Bernardo aparece pedindo socorro e sendo ameaçado pela madrasta, Graciele Ugulini. "Vai, vai lá pedir socorro", diz Graciele para Bernardo. O pai de Bernardo, Leandro Boldini questiona quem teria "começado a bagunça" e o menino responde que foi agredido por Graciele, que diz que o agredirá mais caso o menino conte algo. "Tu tava xingando ela, ninguém merece ser xingado né, Bernadro", diz Leandro pouco antes de Graciele ameaçar o enteado: "Tu não sabe do que sou capaz de fazer. Eu não tenho nada a perder, Bernardo. Tu não sabe do que sou capaz, eu prefiro apodrecer na cadeia do que ficar vivendo nessa casa contigo incomodando.Vamos ver quem tem mais força. Então, vamos ver quem vai para baixo da terra primeiro".

O vídeo da briga foi apagado do celular de Leandro Boldrini, mas recuperado por peritos. Em um novo vídeo, exposto pela delegada Caroline Bamberg, o pai de Bernardo aparece provocando o menino com um facão, com a intenção de provocar uma reação no filho. 

Gostou? Compartilhe