Criança atingida por bala perdida tem alta hospitalar

Autor se apresentou à polícia e confessou o disparo

Por
· 1 min de leitura
Divulgação/ON Divulgação/ON
Divulgação/ON
Você prefere ouvir essa matéria?

Depois de 33 dias internado no Hospital São Vicente de Paulo em Passo Fundo, teve alta na tarde de quarta-feira (23), o garoto Erick Boeira, de um ano e nove meses, que foi atingido por uma bala perdida em Passo Fundo. 

Ele deixou o hospital durante a tarde e foi para a casa da avó. A família optou em não levar o garoto para a sua residência, pois seu quadro inspira cuidados, e na casa da avó, ele terá outros familiares para auxiliar no atendimento necessário. Erick tem dificuldade para se movimentar e vai precisar passar por um tratamento com fisioterapeuta.

No dia 21 de agosto, ele foi atingido por um tiro na cabeça quando o veículo da família passava em uma rua próxima da residência da família. Erick mora com seus pais e um irmão, no bairro São Luiz Gonzaga. Quando a mãe percebeu que a criança estava ferida, ela foi levada imediatamente para o hospital. 

Cinco dias depois do crime, um homem de 31 anos se apresentou para a polícia e confessou ser o autor do tiro que atingiu o garoto. O homem disse que andava próximo à esquina das ruas Giavarina com a Jairo Gasparotto Lemos, quando foi ameaçado por outras duas pessoas. Para se defender, ele atirou três vezes, sendo que um dos tirou atingiu o veículo em que a criança estava. 

Gostou? Compartilhe