Seguem as buscas pela médica que desapareceu em Erechim

Agentes do DEIC estão na cidade deste ontem (17), e reforçam as investigações sobre o desaparecimento de Tamires Gemelli da Silva Mignoni

Por
· 1 min de leitura
Arquivo Pessoal/ Divulgação Arquivo Pessoal/ Divulgação
Arquivo Pessoal/ Divulgação
Você prefere ouvir essa matéria?

Duas equipes do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC) estão em Erechim para auxiliar nas investigações que tentam desvendar o desaparecimento da médica Tamires Gemelli da Silva Mignoni, ocorrido na manhã de sexta-feira (16).

Parte dos policiais chegou ao município durante a madrugada e o restante na manhã deste sábado (17).

A ginecologista desapareceu por volta das 11h30min, logo após sair do trabalho na UBS do bairro Aldo Arioli e os fatos apontam que ela teria sido raptada quando chegou ao seu carro, um Chevrolet Equinox, que estava estacionado do outro lado da rua.

Mais tarde o veículo foi localizado abandonado o bairro Copas Verdes e a polícia seguiu trabalhando na investigação ininterruptamente.

A polícia não divulgou nenhuma informação ou nota oficial à respeito do caso, mas fontes indicam que veículos suspeitos de terem participado do fato foram apreendidos e algumas pessoas estão sendo ouvidas. 

Gostou? Compartilhe