BM reforça efetivo para a Operação Eleições 2020

Batalhão de Polícia Choque já está atuando em nove municípios da região

Por
· 1 min de leitura
Divulgação/BMDivulgação/BM
Divulgação/BM
Você prefere ouvir essa matéria?

Desde a última segunda-feira (9), policiais do 3º Batalhão de Polícia de Choque estão se deslocando para nove cidades da região de Passo Fundo, consideradas pontos estratégicos para o combate ao crime eleitoral, na Operação Eleitoral 2020. Os policiais deverão permanecer até domingo, dia que acontece a votação para prefeito e vereadores.

Segundo o comandante do CRPO-Planalto, Cel Giuliani André Giuliani, as três grandes unidades operacionais da região norte do Rio Grande do Sul, o 38º BPM em Carazinho, o 13º BPM em Erechim e o 3º RPMon de Passo Fundo, foram subdivididas em três eixos cada uma, que terão uma cidade base. Nestas nove cidade, foram montadas bases, que receberão um total de 40 policiais do 3º Batalhão de Polícia de Choque. Estes policiais já estão realizando trabalho em parceria com os Cartórios Eleitorais, com o objetivo de coibir crimes relacionados ao pleito de domingo. O coronel Giuliani destacou que estes eixos foram definidos pelas próprias unidades operacionais, que mapearam as áreas mais criticas e subdividiram os locais onde deveriam ser montada cada uma das nove bases. Entre os crimes que mais preocupam estão a compra de votos, transporte irregular de pessoas, ou ainda as rixas envolvendo adversários políticos.

A operação iniciou na segunda-feira (9), porém, nesta quinta-feira (12), ela vai entrar em uma nova fase, já que serão canceladas todas as folgas dos servidores da Brigada Militar, para que o efetivo trabalhe com o numero máximo de policiais.

Gostou? Compartilhe