3º BPChq divulga balanço das ações operacionais de 2020

Em 12 meses o 3º Batalhão de Polícia de Choque, com sede em Passo Fundo, realizou 312 prisões

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

O 3º Batalhão de Polícia de Choque (3º BPChq), com sede em Passo Fundo, divulgou nesta sexta-feira (8), um balanço das ações operacionais realizadas em 2020. Os dados mostram um aumento no número de prisões, apreensões de armas de fogo, prisões no combate ao tráfico de drogas, fiscalização estabelecimentos comerciais e abordagens de pessoas, se comparado ao ano de 2019.

Os dados são o resultado de diversas ações, abordagens, fiscalizações e operações realizadas pelos policiais do 3º BPChq. Destacam-se as três principais operações que o 3º BPChq esteve presente e atuante em 2020: a “Operação Angico”, que encontra-se em sua 10ª edição, a “Operação Inpulsa”, realizada nas cidades de Porto Alegre, região metropolitana e Caxias do Sul, e a “Operação RS Seguro” em Cruz Alta, Ijuí e Passo Fundo. O foco destas ações foi a redução dos índices criminais, reforçando o policiamento ostensivo da capital e das cidades no interior.


Resultados de 2020:

Prisões: 312

Tráfico de entorpecentes: 57

Armas de fogo apreendidas: 55

Apreensão de adolescentes: 46

Foragidos/ mandado de prisão: 10

Posse entorpecentes: 53

Desacato/ Desobediência:06

Barreiras Policiais: 774

Veículos Abordados: 2.925

Veículos Recolhidos: 161

Veículos Recuperados: 15

Gostou? Compartilhe