Laudo pericial com as causas do incêndio que matou quatro índios em Ronda Alta deve ficar pronto em 30 dias

Por
· 1 min de leitura
Luciana Farina/IGPLuciana Farina/IGP
Luciana Farina/IGP
Você prefere ouvir essa matéria?

O Instituto Geral de Perícia informou que deve finalizar em 30 dias o laudo pericial com as causas do incêndio que causou a morte de quatro índios na madrugada de hoje (21), em Ronda Alta.

O incêndio atingiu o galpão que funcionava como cadeia na terra indígena da Serrinha. Cinco pessoas estavam detidas no local, destas, quatro perderam a vida. As vítimas fatais foram identificadas como Edilson Kesig Paulo, de 21 anos; Esmael Batista e Josué Gabriel Silveira, ambos com 23 anos; e Suzana Mariano, de 24 anos.

A ocorrência foi registrada na Delegacia de Polícia de Sarandi. Os policiais não descartaram a hipótese de que tenha sido um incêndio criminoso. A Polícia Federal deverá investigar o caso. 

Gostou? Compartilhe