Reaproveitamento de alimentos

Projeto de Lei foi apresentado pelo vereador Luiz Miguel

Escrito por
,
em

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Enquanto há desperdícios de alimentos em alguns lugares, existe a falta em outros. Pensando numa destinação do que acaba não sendo utilizado em restaurantes e mercados, o vereador Luiz Miguel (PDT) protocolou um Projeto de Lei que cria o Programa de Aproveitamento de Alimentos Não Consumidos em Passo Fundo.

 

A ideia é que alimentos em condições seguras para consumo cheguem a pessoas com baixa renda por meio de entidades cadastradas e/ou indicadas pela Secretaria de Cidadania e Assistência Social (Semcas) ao serem doados pelos estabelecimentos. “Por não haver uma política de aproveitamento, alimentos que poderiam saciar a fome de pessoas sem condições de manter seu sustento são jogados fora”, destacou o vereador.

 

Conforme a proposição, os doadores serão físicos os jurídicos e os alimentos, industrializados ou não, preparados ou ainda crus, passarão por análise da Vigilância Sanitária. Para efetivação e um maior alcance do programa, o Executivo poderá desenvolver campanhas que estimulem a doação e o aproveitamento integral dos alimentos.

Gostou? Compartilhe