Luciano inicia o anúncio dos integrantes dos órgãos auxiliares

Anúncio foi feito pelo prefeito eleito Luciano Azevedo. Rogério Silva foi escolhido para a direção do Procon Municipal. Já o jornalista Ronaldo Rosa foi anunciado como articulador político. Ronaldo será responsável pela aproximação entre o Legislativo e o Executivo

Por
· 1 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Encerrada a formação do secretariado, o próximo governo começou nesta segunda-feira o anúncio de novos nomes que irão integrar seus órgãos auxiliares. O prefeito eleito Luciano Azevedo confirmou o coordenador do Procon e do articulador político, nova função que será criada na próxima gestão.

Procon

Luciano anunciou o professor universitário e jornalista Rogério Silva, de 48 anos, para a direção do Procon Municipal. Formado em direito, Rogério é professor da faculdade de Direito da UPF, onde leciona as disciplinas de Direito do Consumidor e Direito Empresarial. Possui mestrado e atualmente realiza doutorado na área.

Rogério Silva foi um dos idealizadores do Balcão do Consumidor. Desde 2006 coordena o projeto e ajudou a elaborar o primeiro Código Brasileiro de Defesa do Consumidor. Através do seu trabalho, Passo Fundo foi a primeira cidade do país a ter o seu Código Municipal do segmento.

Articulação

O jornalista Ronaldo Rosa foi anunciado como articulador político. Ronaldo será responsável pela aproximação entre o Legislativo e o Executivo. Essa função será uma das novidades do governo de Luciano.

Com 39 anos, Ronaldo é jornalista graduado pela UPF. Trabalhou por 12 anos na Câmara de Vereadores de Passo Fundo onde foi assessor de imprensa e coordenou por quatro anos a Comunicação Social da casa. O futuro articulador trabalha há mais de 15 anos como radialista e jornalista, período em que atuou nas três rádios AM da cidade e nos dois principais jornais como colunista político.

Conheça aqui os 20 futuros secretários

Gostou? Compartilhe