Expodireto espera alcançar R$ 2,7 bi em negócios

Portões se abrem ao público às 8h e esquema especial de segurança foi montado para receber o vice-presidente Hamilton Mourão

Por
· 3 min de leitura
Feira Começa hoje e segue até sexta-feira das 8h às 18h

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

A Expodireto Cotrijal abre os portões do parque de Exposições em Não-Me-Toque nesta segunda-feira, dia 11, para a 20ª edição. Referência em todo Brasil, não só pelos números e resultados de comercialização e público, mas também pela organização dos 98 hectares de exposição, que foram ampliados para esta edição, a feira tem horário de funcionamento fixo, que inicia às 8h e encerra às 18h. Mais de 500 expositores participam e a expectativa é superar o volume de negócios do ano passado, que chegou a R$ 2,2 bilhões e os 250 mil visitantes. A Expodireto pretende chegar a R$ 2,7 bilhões em negócios, segundo projeções feitas pelo presidente da Cotrijal Nei Mânica.

 

O presidente do Sindicato das Indústrias de Máquinas e Implementos Agrícolas – Simers, Claudio Bier, mostrou confiança no crescimento do setor neste início de ano. A manifestação foi feita durante o lançamento da Expodireto Cotrijal, feira a que se deposita a confiança de retomada do setor. “Há muito interesse e muita procura, por parte dos agricultores, em renovar a frota. A renovação política também gera mais confiança. Todos estão pensando em trabalhar, e é disso que o Brasil precisa. Nosso setor é importante para desenvolver a agricultura no Brasil e estamos cada vez mais investindo na indústria de tecnologia”, disse.


Bier destacou ainda que esteve em Brasília para reivindicar ao Governo Federal uma suplementação de R$ 3 bilhões para o fechamento do ano safra. O presidente projeta uma nova visita à capital federal, acompanhado do presidente da Cotrijal, Nei César Mânica, que, no seu discurso de lançamento da feira, destacou o papel importante do Simers na trajetória da Expodireto.


– Nessa caminhada de 20 anos, muitas ações foram realizadas. Podemos iniciar pelo setor de máquinas, importante setor do agro, onde temos aqui a presença do presidente Claudio Bier que, empenhado como sempre, está reivindicando, junto com a Cotrijal, um aporte no Moderfrota de mais R$ 3 bilhões. Sobre o Moderfrota deste ano, o aporte de recursos anunciados é menor do que o esperado, R$ 470 milhões.

 

Mourão na Expodireto
O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, já está na região para participar da cerimônia de abertura no Auditório Central do parque, em Não-Me-Toque, e em seguida da inauguração da Calçada da Fama do Agro, na área central. O vice-presidente foi presença no Troféu Brasil Expodireto, primeiro evento da programação oficial da feira, realizado ontem à noite em Carazinho. O Troféu homenageou personalidades e empresas que fizeram a diferença durante o ano, contribuindo com atividades para o desenvolvimento e o engrandecimento do agronegócio.


Todos os locais por onde Hamilton Mourão passar foram vistoriados pela equipe de segurança, que traçou um roteiro para as visitas. “É um procedimento padrão, que visa garantir a integridade física do vice-presidente da República, já que vai estar em locais com grande público”, informou o coronel Pinto Sampaio, que coordena a equipe. Também participam a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, e o governador do RS, Eduardo Leite, dentre outras autoridades.

 

Para quem quiser visitar a Feira
Há cobrança de ingresso?
- A entrada na feira é gratuita. Apenas o estacionamento é pago: R$ 30,00 por dia para motocicletas, carros, vans e ônibus; ou R$ 120,00 no caso do condutor preferir pelo passe livre para a feira, com todos os dias com entrada e saída liberadas.


Onde são servidas refeições no parque?
- Praça de alimentação (área central) - R$ 34,00 por almoço, incluindo refrigerante ou água.
- Restaurante (área central) - R$ 37,00 por almoço, incluindo refrigerante ou água.
- Praça de alimentação na área da Produção Animal - R$ 34,00 por almoço, incluindo refrigerante ou água.
- O almoço, nos três locais, é servido das 11 às 15 horas.
- Também há no parque uma lanchonete com venda de lanches o dia todo. E ainda há a possibilidade de adquirir produtos no Pavilhão da Agricultura Familiar e consumir no espaço de conveniência do próprio pavilhão.
- Não é permitido consumir bebida alcoólica dentro do parque.

 

Quais os cuidados que devo tomar para aproveitar bem a visita à feira?
- Use protetor solar - a Expodireto acontece em um período de muito sol e calor.
- Use proteção na cabeça e nos olhos, como bonés ou chapéus e óculos escuros.
- Prefira roupas e calçados confortáveis e carregue o mínimo possível de peso durante a visita.
- Evite concentração e filas sob o sol ao meio-dia, pois os restaurantes servem almoço das 11h às 15h e procure manter seus hábitos alimentares.
- Beba bastante água! Para ninguém esquecer da hidratação, em vários pontos do parque são disponibilizados bebedouros com água gelada.
- Lembre de levar os remédios que costuma utilizar.


Serviço:
Data de realização: de 11 a 15 de março
Horário de funcionamento: 8h às 18h
Local: Não-Me-Toque, ERS-142 – km 24

Gostou? Compartilhe