Processo Judicial Eletrônico é implantado em Carazinho

Por
· 1 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Na tarde de quarta-feira (17), a Prefeita Teodora Lütkemeyer esteve em Carazinho na Vara do Trabalho participando de uma solenidade que marcou a implantação do Sistema de Processo Judicial Eletrônico (PJe-JT). Também estiveram presentes a presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região (RS) a desembargadora Cleusa Regina Halfen, o Juiz Titular da Vara do Trabalho de Carazinho Bem-Hur Silveira Claus, autoridades de Carazinho e região, advogados e imprensa.

Com a implantação deste sistema o Estado contabiliza 28 municípios que estarão sendo beneficiados com esta nova ferramenta. Conforme a desembargadora, o objetivo é que seja implantado até o final deste ano em 75% dos municípios.

Segundo a Prefeita Teodora a implantação deste sistema irá trazer agilidade aos trâmites de processos e inúmeras vantagens para Não-Me-Toque que também é beneficiada pelo sistema. “Com o sistema do Processo Judicial Eletrônico vamos ganhar agilidade principalmente por desburocratizar as tratativas que não ficam atreladas a papeis” salienta Teodora. 

Gostou? Compartilhe