Com 44 testes positivos, Passo Fundo ocupa a vice-liderança de casos e óbitos por coronavírus no estado

Boletim foi atualizado no final da tarde deste domingo (19) pela Secretaria de Saúde

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

Com dois casos a mais registrados neste domingo (19), Passo Fundo contabiliza 44 testagens positivas para infecção pelo novo coronavírus e ocupa a vice-liderança de incidência da doença e óbitos por Covid-19 no estado. 

A atualização do Boletim Epidemiológico foi divulgada no final da tarde hoje pela Secretaria Municipal de Saúde. Dos 44 casos confirmados, no municípo, e mais 8 atestados em outras localidades da região de abrangência da 6ª Coordenadoria de Saúde, o número de casos foi elevado para 52.

Ainda conforme revelou a pasta, 21 pacientes aguardam o resultado laboratorial do exame; 33 pessoas estão hospitalizadas, 18 delas já com diagnóstico de coronavírus, enquanto 15 ainda esperam a comprovação; 237 moradores testaram negativo e 15 estão recuperados. 

Óbitos confirmados sobem para 4

Neste domingo (19), a Secretaria de Saúde também confirmou o quarto óbito de uma moradora de Passo Fundo em decorrência infecciosa do Sars-CoV-2. A vítima, de 69 anos, tinha histórico de comorbidades e estava internada em um dos hospitais locais. Com o falecimento, a cidade se mantém em segundo lugar no índice de óbitos da doença, no Rio Grande do Sul, com 4, atrás apenas de Porto Alegre, que registra 9 mortes e 374 casos. 

Foto: Secretaria Estadual de Saúde/Reprodução

Image title

Decreto de emergência

Com a ascendência rápida na curva de contágio e tendo apenas dois hospitais de referência [Hospital de Clínicas e Hospital São Vicente de Paulo] para atender, além dos casos locais, os pacientes em quadro clínico grave pelo contágio do Covid-19 de outras 17 localidades, o prefeito de Passo Fundo, Luciano Azevedo (PSB), editou um decreto de emergência, também nesta tarde, que obriga o uso de máscaras não profissionais de proteção facial em todo o território passo-fundense. A medida já está em vigor e amplia a necessidade do uso, antes restrita aos funcionários do comércio local. 

Image title

Foto: Reprodução/Facebook


Gostou? Compartilhe