Município registra terceiro surto em lar de idoso

Oito pacientes e um colaborador testaram positivo na instituição

Por
· 2 min de leitura
Gerson Lopes/ON Gerson Lopes/ON
Gerson Lopes/ON
Você prefere ouvir essa matéria?

Uma Instituição de Longa Permanência para Idosos (ILPI), de Passo Fundo registrou oito casos de coronavírus entre os pacientes, além de um colaborador. Pelo menos cinco idosos foram internados por apresentarem baixa oxigenação no sangue, de acordo com o promotor que acompanha o caso, Denilson Belegante. A internação teria sido feita por precaução devido as condições prévias, segundo a secretária de saúde de Passo Fundo, Carla Beatrice Gonçalves. Em nota, a instituição afirmou que o funcionário está afastado e que não tem data definida para retonar ao trabalho. Quanto aos idosos, a direção afirma que “todos estão devidamente isolados, com ampla assistência médica e, sobretudo, não apresentam sintomas graves”. 

O primeiro caso identificado foi o do colaborador. A Vigilância Epidemiológica realizou então o protocolo estabelecido e aplicou testes rápidos em todos os idosos e funcionários da instituição. “Constatamos o surto na sexta -feira pela manhã”, conta a secretária. 

A instituição e o promotor informaram que os casos eram assintomáticos. “Provavelmente faziam muitos dias que haviam contraído o vírus”, disse Belegante. Ele acredita que todos os positivados tinham mais de 80 anos, no entanto, apesar de solicitações, não conseguimos confirmar o dado.

Histórico 

Até ontem à tarde, 93 idosos tinham sido diagnosticados com o novo coronavírus em Passo Fundo, segundo a secretária Carla. Eles representam 20% dos casos confirmados e a maioria das mortes. 

Este é o terceiro surto do novo coronavírus em uma ILPI de Passo Fundo. A situação na primeira casa já estaria controlada, com todos os idosos curados, segundo o promotor. Já na segunda, a situação é mais grave. “Ainda temos idosos isolados, houve inclusive algumas mortes”, disse Belegante. Os idosos dessa casa tem idades mais avançadas e comorbidades. “Seguimos monitorando para controlar”, finalizou.

Prevenção

Uma nota conjunta foi divulgada em 08 de abril com medidas para prevenção e controle do coronavírus nas 23 ILPIs de Passo Fundo. “De modo geral todos as ILPIs estavam cumprindo isso, com algumas irregularidades pontuais que a gente procurou sanar”, explicou Belegante. Entre as orientações está a troca de roupa, utilização de máscara, higienização constante e o impedimento do acesso de pessoas de fora. A Secretária explica que a vigilância sanitária tem realizado a fiscalização e a vigilância epidemiológica o monitoramento junto aos responsáveis técnicos das casas. “Se houver qualquer idoso ou profissional com sintoma gripal deve ser realizada a notificação por parte da ILPI”, destacou.

No comunicado, o lar com surto mais recente afirma que medidas foram adotadas ainda no mês de março, restringindo visitas e aplicando medidas de isolamento. “Os testes foram realizados por nossa solicitação à Secretaria Municipal de Saúde”. 

O promotor lembra que é difícil identificar a contaminação pelo vírus. “A gente sabe da dificuldade de se evitar por completo, por razão das particularidades do vírus, por ser invisível e às vezes não apresentar sintomas”, explicou. Ele afirma que as fiscalizações serão redobradas.

Gostou? Compartilhe