Carnaval: cuidado com excessos

Medicina & Saúde - Exagero é quase sinônimo de carnaval. Nos dias de folia, as pessoas costumam extrapolar e passar dos limites no consumo de bebidas alcoólicas e nas horas que passam acordadas. Por isso, alguns cuidados precisam ser observados para que a folia não acabe na emergência do hospital.

Escrito por
,
em

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Carnaval é quase sempre a mesma coisa: muita gente exagera no consumo de bebida alcoólica. Os efeitos disso podem ser percebidos na famosa ressaca e em disfunções alimentares. Para evitar a ressaca e a desidratação, é necessário alternar uma bebida e outra com a ingestão bastante água. De acordo com o Ministério da Saúde, a quantidade de consumo de água deve ser aumentada se a pessoa estiver exposta ao sol às altas temperaturas. Uma boa dica é andar sempre com uma garrafinha de água. O ideal é beber uma garrafa de 500 ml de água por hora. Mas não é só a hidratação que conta para manter o corpo saudável e bem disposto. Cuidar da alimentação depois da folia também é essencial para que o organismo não sinta os efeitos dos exageros alimentares. A orientação é consumir alimentos leves e coloridos, com muita variedade de legumes e verduras.

Veja algumas dicas para cuidados antes, durante e depois das festas:

Antes

- Hidrate-se com antecedência! Dê preferência à água e aos sucos naturais, consumindo de 2 a 3 litros diariamente. Evite ao máximo os refrigerantes, pois possuem baixíssimo poder de hidratação

- Dê preferência a alimentos ricos em carboidratos (pão, macarrão, batata, frutas) para que tenha bastante energia na hora da festa, não esquecendo de consumir as verduras e os legumes

- Evite frituras e alimentos ricos em gorduras; Prefira carnes magras como filé de frango, de peixe ou peito de peru

- Pratique atividade física, principalmente aeróbica, para aumentar a resistência física e aguentar o ritmo até o final da festa

Durante

- Hidrate-se a todo o momento! A perda de água através da transpiração é muito intensa e, junto com ela, perdem-se muitos eletrólitos, como sódio, potássio, magnésio e cloro

- O consumo de bebidas alcoólicas deve ser feito com moderação e nunca com o estômago vazio. Acostume-se, também, a intercalar as bebidas alcoólicas com muita água

- Alimente-se durante a festa, consumindo alimentos leves. Para facilitar, a dica é sempre levar consigo barrinhas de cereais e beber constantemente sucos de frutas. Assim, também estará repondo a energia gasta durante a folia

- Nada de consumir frituras durante a festa. Além de apresentarem um alto teor de gordura, podem dar a sensação de estômago pesado e moleza

Após

Para aqueles que exageraram, este é o dia da ressaca. Para melhorar os sintomas de mal estar, aí vão algumas dicas preciosas:

- Repousar é essencial. Descanse e relaxe para recarregar as energias para os outros dias de festa

- A ingestão de água e suco durante todo o dia vai refletir também no tempo da recuperação. Por isso, tomar muita água e suco de frutas, mesmo no momento de descanso, é fundamental para acelerar o processo de recuperação do corpo

- Consuma alimentos leves e ricos em carboidratos, com muitas frutas e verduras. Dê preferência às sopas e caldos, evitando, principalmente, alimentos muito gordurosos

 (Fonte: Ministério da Saúde)

Recomendações gerais:

- Antes de sair de casa, faça um café da manhã reforçado com leite desnatado, pão integral, queijo branco ou ovo, frutas e cereais; Fazendo um bom desjejum, a tendência é ter mais energia ao longo do dia.

- Comer a cada três horas.

- Prefira preparações grelhadas e cozidas.

- Não coma em lugares sem higiene adequada.

- Evite ao máximo o consumo de bebidas alcoólicas. Mas para quem não resiste a ingestão de cerveja, vodka e outras bebidas alcólicas, o ideal é intercalar cada copo com 1 garrafinha de água.

- Observe o consumo de água. Este deve ser de 2 a 3 litros ao dia, principalmente se você consumir bebidas alcoolicas, pois esta pode atuar no organismo como diurético.

- Uma boa pedida é o consumo de suco verde, conhecido por ser um detoxificante do fígado.

Anote a receita:

* suco de 2 laranjas ou água de coco

* 2 folhas de couve sem talo

* suco de 1/2 limão

* 1 ponta de gengibre

* 1/2 maçã ou 1 fatia de abacaxi

 

Gostou? Compartilhe