Com habilitação de 624 leitos, RS aumenta em 67% a capacidade de UTIs que atendem ao SUS

Antes da pandemia, Estado tinha 933 leitos públicos de unidade intensiva e agora chega a 1.557

Escrito por
,
em
Foto: Maicon Hinrichsen / Palácio Piratini

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Desde o início da pandemia de coronavírus, o Rio Grande do Sul aumentou a capacidade de atendimento do sistema público de saúde. A meta era ampliar em pelo menos 60% o número de leitos de UTI para atendimento de pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS). Conforme anunciou o governador Eduardo Leite nesta quinta-feira (18), o percentual já foi superado.

Antes da pandemia, o Estado tinha 933 leitos de UTI Adulto SUS. Até agora, já foram habilitados mais 624 – um aumento de 66,8%, somando 1.557 unidades de terapia intensiva. Além desse total, outros 33 leitos estão prontos e aguardam habilitação pelo Ministério Saúde para começarem a operar. Com isso, o Rio Grande do Sul somará 1.590 UTIs públicas, alcançando uma ampliação de 70,4% da capacidade.

“Essa ampliação tem o objetivo de evitar um colapso no sistema público de saúde e impedir que pessoas morram sem chance de serem atendidas, como, infelizmente, vem ocorrendo em outros locais. Além disso, vai ser fundamental para atendermos à demanda que começa agora, com as doenças respiratórias comuns ao inverno, além dos casos de Covid-19”, afirmou o governador durante a transmissão virtual de atualização sobre o coronavírus no RS.

Um dos locais de ampliação é São Sebastião do Caí, onde o Hospital Sagrada Família habilitou cinco novos leitos. Durante a transmissão desta quinta-feira (18/6), a titular da 1ª Coordenadoria Regional de Saúde do Estado, Ana Maria Rodrigues, a diretora da instituição de saúde, irmã Agnes Biesdorf, e a administradora Maitê Bohn mostraram o novo espaço de atendimento.

A secretária estadual da Saúde, Arita Bergmann, destacou que o governo está fazendo uma grande-força para ampliar o sistema de atendimento e agradeceu pela parceria de municípios e entidades. “Hoje é um dia de gratidão”, concluiu Arita.

Gostou? Compartilhe