Cabelo, cabelo meu!

Lisos, ondulados, curtos, compridos, loiros, morenos, ruivos. Tipo e estilo de cabelo é o que mais tem por aí, mas as vezes, algumas características dos fios podem influenciar diretamente no modo como você vai cuidar deles.

Por
· 2 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

É difícil encontrar uma mulher que não concorde: o cabelo é uma das maiores preocupações femininas quando o assunto é beleza. Você até pode estar com um look impecável, mas se não estiver satisfeita com o cabelo não vai adiantar nada.

E, para cuidar deles, o mercado está cheio de opções. São cremes, máscaras, toucas, tratamentos que variam de acordo com o gosto do consumidor e, claro, com o tipo de cabelo. Um detalhe muito importante que não pode ser esquecido na hora de escolher os produtos. Os tipos de cabelo variam de acordo com a genética e isso não muda, a não ser através de químicas e cortes. Independentemente do seu tipo de cabelo, é fundamental aprender a cuidá-lo da forma correta para manter a saúde dos fios. Para lhe ajudar, a cabeleireira do Espaço Ilex, Mariane Portella, deu algumas dicas de como cuidar de cabelos oleosos, secos e normais.

Cabelos Oleosos

Segundo Mariane, o cabelo oleoso não apresenta muito volume e tem uma aparência pesas por causa da quantidade excessiva de glândulas sebáceas. “A causa desse problema é de ordem genética, mas alterações hormonais e estresse podem piorar”, alerta.

Alguns cuidados:

- Não passe as mãos ou escove muito, evite também massagens no couro cabeludo (esses são hábitos que estimulam a produção de óleo).

- Lave os cabelos diariamente, limpeza é fundamental.

- Use shampoos adstringentes, com PH neutro e faça também esfoliação capilar uma vez por semana.

- Se você tiver a raiz oleosa, mas as pontas secas, use produtos à base de silicone somente nas pontas.

Cabelos Secos

Ao contrário dos cabelos oleosos, os secos não têm umidade e óleo suficientes para manter seu brilho e textura normais, o que deixas os cabelos com aspecto sem brilho, áspero, normalmente volumoso, e com pontas espetadas. Muitas vezes, o excesso de ressecamento pode também ser resultado também de tratamentos químicos, um dos maiores danificadores dos cabelos.

Alguns cuidados:

- Intercale o uso de condicionador com máscaras de tratamento a base de colágeno, queratina, aminoácidos duas vezes por semana e faça também hidratações no salão.

- Evite secador de cabelo muito quente e chapinhas e se não tiver como evitar use termoativos para proteger o fio.

- Procure por produtos que agem internamente, pois os cosméticos à base de óleo não são absorvidos pela haste capilar, portanto tem um efeito apenas temporário e externo.

- Cuide sua alimentação, pois ela desempenha um papel muito importante na saúde dos cabelos. Principalmente, beba muita água, fundamental para a hidratação do corpo.

Cabelos Normais ou Mistos

Os cabelos normais são o sonho de toda a mulher. São macios e brilhantes, não ressecam com facilidade e não têm excesso de oleosidade. Apesar disso, também precisam de cuidados, afinal, se você se acomodar, os cabelos podem se tornar secos ou oleosos.

Alguns cuidados:

- Mantenha o cabelo sempre limpo.

- Escolha shampoos e condicionadores neutros ou para cabelos normais.

- Quando for pentear os cabelos use pentes de madeira, pois eles evitam os fios arrepiados (frizz).

- Faça hidratações a cada quinze dias.

Gostou? Compartilhe