Mas porque o ser humano sofre?

Por Nelson Ribeiro

Por
· 1 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

O ser humano sofre por muitos motivos e cada um sabe bem qual é o seu, contudo, basicamente todos os seres humanos sofrem em razão do apego.
Apegamo-nos: ao ser amado, aos filhos, ao dinheiro, excessivamente ao trabalho ao ponto dele se tornar nossa identidade, às perdas, enfim sofremos por que nos apegamos e o sofrimento por apego gera a frustração.

Tipos de frustração:

A sexual- você não se sente querido(a) ou desejado(a), admira e deseja seu parceiro intensamente mas acredita que a recíproca não é a mesma e sofre com isso. Fica com uma carga imensa de energia sexual acumulada, isso causa nervosismo, revolta, ciúme e desconfiança.. Se estiver se sentindo assim vá pescar, passear, praticar um esporte radical se for homem e se for mulher pinte, dance, medite assim não vai perturbar ninguém e as energias voltam ao normal. Cada ser humano tem necessidades diferentes. A mulher de amor, o homem de sexo é próprio da natureza humana com algumas exceções. 

A emocional- você também não se sente querido(a) e acredita piamente ma iminência de uma traição, tem pavor em pensar isso e se torna paranóico(a) passando a monitorar a pessoa que ama, é importante lembrar que amor não é prisão e se não amar verdadeiramente como irás evoluir? Devemos dar luz, espaço, força a quem amamos, ajudá-los a crescer, a desabrochar para a vida, se iluminar seja profissionalmente, emocionalmente ou espiritualmente sob o risco, mas sem o medo de perdê-lo assim que ele se encontrar. Mas você estiver nos planos da vida dessa pessoa você provavelmente viverá com ela longos anos.
Contudo há de se ter o bom senso ao perceber que errou na escolha e não ter medo de procurar a felicidade ou de ficar só. Afinal quando entendemos ou nos deparamos com o fim de algo é por que estamos no caminho do recomeço.
A vida sempre nos presenteia com renovações mas é preciso que não fiquemos com a cabeça engessada no passado, naquilo que consideramos uma perda.       

A intelectual- acontece na seqüência de projetos que não deram certo, a pessoa se torna negativa cheia de restrições ao sucesso achando sempre os contras são maiores que os prós.
Cansativas, sua companhia pesa, sempre demonstram ressentimento por algo ou por alguém e vivem no passado atribuindo culpas a tudo e a todos.
Perderam a coragem de reescrever sua vida pelo medo de outras frustrações. Quase sempre são depressivas e sem perspectiva.

Para tudo há tratamento e qualquer uma dessas frustrações pode ser curada acredite. A todos vocês uma ótima semana vindoura.

Paz e luz!

Gostou? Compartilhe