Prefeitura recebe demandas da Associação de Motociclismo

Sem uma área para treinamento e preparação dos profissionais e praticantes da modalidade, os integrantes da APM conversaram com o vice-prefeito para regularizar a situação

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

 A Associação Passo-fundense de Motociclismo conversou com o vice-prefeito, Juliano Roso, sobre as dificuldades encontradas pelos praticantes de motocross do município. Até o ano passado, os pilotos realizavam suas atividades em uma área próxima ao Ginásio Teixeirinha. Porém, a área faz parte do terreno que foi concedido ao Sport Clube Gaúcho. De tal forma, o grupo reivindica um espaço próprio para não interromper as ações desenvolvidas.

Segundo os representantes da APM, muitos pilotos levam o nome de Passo Fundo para o Brasil todo, são profissionais que dependem de apoio para participar de competições e dar continuidade ao aperfeiçoamento do esporte. Outra questão envolve a possibilidade de Passo Fundo ser sede de campeonatos.

De acordo com os pilotos, há um documento que autorizava o uso da área pela Associação, mas sem especificações de tempo ou detalhamentos. O vice-prefeito Juliano Roso acordou com a APM uma reunião para tratar do assunto. “Pedi para os representantes da Associação apresentarem este documento dado pela administração passada. A partir disso, vamos conversar e pensar em três possibilidades de áreas que possam ser concedidas”, explicou Roso.

Ainda sobre a área, foi destacado que será levado em consideração um lugar retirado, a fim de evitar a perturbação do sossego público e oferecer condições seguras para o esporte. Os pilotos também irão se reunir com o Gaúcho para conversar sobre algumas ações feitas no terreno, como o plantio de 150 mudas de árvores nativas.

A Prefeitura ajudará com os maquinários para montar a estrutura assim que os procedimentos legais estiverem finalizados. Os pilotos trabalham com o prazo do mês de agosto para a questão estar  resolvida, em decorrência dos campeonatos iniciarem no início do segundo semestre. 

Gostou? Compartilhe