OPINIÃO

Ponto de Vista

Por
· 2 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

A Frinape se consolidou ao longo dos últimos cinquenta anos como vitrine do potencial econômico e cultural de Erechim e região. Desde sexta-feira (09), e nos próximos sete dias, milhares de pessoas vão passar pelos pavilhões da Indústria e Comércio, Agricultura Familiar, Fenamate, Salão da Inovação e nos estandes externos. De igual modo na Cidade da Cultura e outros tantos espaços distribuídos no Parque de Exposição. Sua primeira edição foi realizada entre os dias 22 de outubro e seis de novembro de 1966. Desde então foram outras quinze, incluindo a deste ano.


II
A primeira que lembro ter participado foi na III Frinape e a I Festa Nacional do Chimarrão, no ano de 1982, Dez anos após, na V Frinape, e nas demais, até a edição 2015, lá estive como profissional da imprensa. São inúmeras as lembranças da maior feira do Norte do RS. Na Frinape 1995 realizei uma entrevista memorável com o saudoso Lauri Hoppen, coordenador da III Fenamate. Primeiro prefeito de Erebango (1989-1992) e diretor-presidente da Ervateira Hoppen & Petry, era um entusiasta do setor ervateiro que remonta aos anos iniciais do século passado, ainda antes da colonização.


III
Do primeiro pavilhão edificado no início da década de oitenta do século passado, até a inauguração do Polo da Cultura, que dispensa comentário, os investimentos no Parque de Exposição localizado no bairro que leva o nome da feira, foram sendo edificados a cada edição. O intervalo entre II a III Frinape, ocorrida em 1982, foi de 14 anos. As demais ocorreram em média a cada três anos, revelando a complexidade e os desafios em promover eventos de grande porte, mesmo com a infraestrutura disponível. Quando das comemorações dos 50 anos do município de Getúlio Vargas foi realizada a 1ª Exposição Agropecuária e a 1ª Mostra Industrial e Comercial.
 
IV
A parceria do poder público com a Accias. CDL, Sindicato Rural de Getúlio Vargas e Sutraf garantiu a continuidade da feira que passou a se chamar Expoincar (Exposição Industrial, Comercial, de Agropecuária e Serviços). A II e a III Expoincar ainda foram realizadas no Parque Cinquentenário, do Sindicato Rural. A quarta edição, no ano de 1999, foi no entorno da Prefeitura Municipal, e a quinta, em 2002, no Centro Esportivo Municipal. As últimas duas, em 2005 e 2007, a VI e VII, nos pavilhões da antiga Cervejaria Serramalte, tiveram recorde de público e vendas. 
 
Curtas:
# De partido nanico a expoente na próxima legislatura da Câmara Federal o PSL se expande de olho nas eleições municipais de 2020.
# Dirigentes do PSL de Erechim e membros de comissões provisórias da sigla de diferentes cidades da região realizam encontro no próximo dia 30.
# Além dos deputados eleitos pelo PSL para o Palácio Farroupilha Carmem Flores, candidata do partido de Bolsonaro ao Senado confirmou presença.
# Quarta candidata mais votada para a Câmara Alta, Carmem Flores fez mais de 1,5 milhões de votos no Estado.
# Em Getúlio Vargas ela recebeu 2.500 votos, ficando atrás de Luiz Carlos Heinze (PP) e de Beto Albuquerque (PSB).
# Os prefeitos que integram a Associação dos Municípios do Alto Uruguai estiveram reunidos na manhã de quinta-feira (08) na sede da entidade, em Erechim.
# Na pauta do encontro o relato da comitiva que esteve em Brasília na busca de recursos para o projeto do Novo Complexo Hospitalar FHST.
# Os gestores também foram informados do projeto de extensão da Universidade Federal Fronteira Sul que passará a oferecer o curso de Engenharia Ambiental e Sanitária.


Dito & Feito:
A Prefeitura Municipal de Estação abre inscrições para o Concurso Público que acontece no mês de dezembro. As vagas são para Motorista, Operador de Máquinas e Professor. As inscrições iniciam nesta segunda-feir

Gostou? Compartilhe