OPINIÃO

Golpe com consignados preocupa aposentados

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

O Instituto de Defesa do Consumidor (Idec) está desenvolvendo campanhas em todo o país para alertar os aposentados do INSS sobre o risco de golpes nas propostas de crédito consignado feitos por telefone. Segundo o INSS, entre 2016 e 2017, chegaram à Ouvidoria do órgão denúncias de 78.898 ocorrências de golpes. Uma das principais preocupações da entidade que defende os consumidores é identificar o foco dos vazamentos de dados do próprio INSS, isso porque pessoas que estão prestes a se aposentar ou obtiveram o benefício recentemente, são abordadas por supostas instituições que fornecem empréstimos consignados. Para minimizar os danos causados aos aposentados por golpistas, o INSS publicou uma Resolução, no ano passado, que determina a suspensão de empréstimos consignados não reconhecidos pelos segurados até que comprove se o empréstimo é verdadeiro ou não. Para tanto, basta que o segurado registre a reclamação numa Agência da Previdência Social.


Lista de recall

Um levantamento organizado pelo Procon de São Paulo, vinculado a Secretaria de Justiça e Cidadania do Estado paulista, confirma que os produtos de limpeza lideram a lista de recall no período de levantamento da pesquisa que iniciou em 2002 até os dias atuais com 36,58% das convocações para correção de defeitos nos produtos. Em seguida, aparecem os alimentos e bebidas 34,72%. Logo depois, pela ordem, veículos 11,34%; produtos de higiene e limpeza 7,67%; produtos infantis 3,42%; informática 0,30%; peças e acessórios automotivos 0,14% e eletrodomésticos/eletroeletrônicos 0,05%.

 

Frango contaminado
Em razão de suspeita de contaminação por Salmonella, a Anvisa determinou o recolhimento de diversos lotes de cinco cortes de frango da marca Perdigão. Ao todo estão sendo recolhidos 23 lotes de cinco produtos. Responsável pela marca Perdigão, a empresa BRF comunicou o recolhimento voluntário de coxas e sobrecoxas sem osso, meio peito sem osso e sem pele, filezinhos de frango, filé de peito e coração. A ANVISA alerta aos consumidores que tenham sempre cuidado na elaboração de pratos a base de frango, sendo recomendado que o alimento seja cozido, frito ou assado corretamente, valendo a mesma dica para outros tipos de carne. A bactéria identificada nesse caso foi a Salmonella enteritidis. Foram recolhidos os lotes de Cortes Congelados de Frango – Filé de Peito – Embalagem Plástica – 2 kg; Miúdos Congelados de Frango – Coração – Embalagem Plástica – 1 kg; Cortes Congelados de Frango – Filezinho (Sassami) – Embalagem Plástica – 1 kg; Cortes Congelados de Frango – Meio Peito sem Osso e sem Pele – Caixa de Papelão (interfoliado) 15 kg e Cortes Congelados de Frango.

Gostou? Compartilhe