Terceira apresentação encerra a Cantata Natalina 2019

Trânsito será interrompido na Avenida Brasil, na noite de sábado, em função do evento

Por
· 2 min de leitura
Espetáculo deste sábado deve contar novamente com grande públicoEspetáculo deste sábado deve contar novamente com grande público
Espetáculo deste sábado deve contar novamente com grande público
Você prefere ouvir essa matéria?

A última apresentação da Cantata Natalina de 2019 ocorre neste sábado, 7 de dezembro, a partir das 21h. Em função do evento, o trânsito pela Avenida Brasil será interrompido, entre as ruas Teixeira Soares e 10 de Abril, das 18h às 23h. O tema desta edição é “Generosidade”.

É com os olhos marejados pela emoção que a pedagoga Gabriela da Cunha tenta encontrar palavras para definir o sentimento despertado por representar o milagre divino. Educadora do Colégio Notre Dame Passo Fundo, nos seis anos em que atuou nos bastidores da Cantata Natalina, sequer sonhou que, um dia, o filho amorosamente gerado no ventre seria carregado em seus braços para protagonizar a concretização da generosidade do Criador. “Eu não tinha ideia do quanto era mais emocionante fazer parte do espetáculo”, revela.

Convidada a representar Maria - acompanhada do marido, Raniele Gomes, e do filho, Pedro Antônio Gomes - ela celebra, por meio do evento evangelizador, a oportunidade de um novo começo. “Perdi a minha mãe em julho do ano passado. Foi um período muito difícil. Junto com ela, perdi um pedaço de mim”, lembra. Três meses depois, a dor foi acalentada pela renovação da vida. “Engravidei em outubro. Então, o Pedro é o recomeço da minha vida. Ele veio no tempo certo, ele era o que eu precisava naquele momento”, afirma. Por isso, ao emprestar sua experiência materna à composição artística do espetáculo, recorda, com afeto e saudade, daquela que a gerou.

Tecida em meio a tantas outras vivências que permeiam a história da Cantata Natalina, a da Gabriela reforça a reflexão acerca da generosidade de Deus, à qual os espectadores serão conduzidos, neste sábado (07), quando as janelas da instituição de ensino forem abertas para dar início à terceira e última apresentação de 2019. “A cada apresentação é uma emoção diferente. Ao participar da Cantata, tenho realmente certeza de que o Pedro era o que de melhor poderia acontecer na minha vida”, finaliza Gabriela.

 

A 13ª edição

Desde a primeira apresentação, mais de 500 voluntários participaram da 13ª Cantata Natalina. Além deles, outros tantos colaboram para a realização da Cantata – como os que trabalharam intensivamente para montar a infraestrutura necessária ao show – composta por toneladas de equipamentos de iluminação e sonorização.

A edição deste ano teve como tema “Generosidade”. Segundo o coordenador artístico da Cantata Natalina, Vanderlan Lima, o tema que inspira a escolha pelas canções foi idealizado ainda em 2018 e inspirado no contexto social em que estamos inseridos, pautado, cada vez mais, no individualismo. “Ao mesmo tempo em que as pessoas se voltam para si, há a necessidade de obedecer a um padrão. Com isso, perde-se a característica do indivíduo inserido no coletivo”, salienta, indicando que, ao agir dessa forma, as pessoas vão se tornando mais frias e insensíveis – o que demonstra a importância de fortalecer a generosidade.

 

 

 

Gostou? Compartilhe