Reunidas suspende linha entre Passo Fundo e Argentina

Medida vale para os próximos 15 dias após decreto de fechamento de fronteira

Por
· 1 min de leitura
Cerca 10 a 20 pessoas vêm da Argentina para o Brasil diariamente utilizando a linha Florianópolis- Posadas com conexão em Passo FundoCerca 10 a 20 pessoas vêm da Argentina para o Brasil diariamente utilizando a linha Florianópolis- Posadas com conexão em Passo Fundo
Cerca 10 a 20 pessoas vêm da Argentina para o Brasil diariamente utilizando a linha Florianópolis- Posadas com conexão em Passo Fundo
Você prefere ouvir essa matéria?

A empresa Reunidas, responsável por operar a linha rodoviária de ligação entre Passo Fundo a Posadas, suspendeu temporariamente a venda de passagens após o decreto de fechamento de fronteiras anunciado na noite de domingo (15) pelo presidente da Argentina, Alberto Fernández.

A determinação é válida pelos próximos 15 dias e veio na esteira de uma série de medidas anunciadas pelo governo argentino para conter o avanço do coronavírus no país, que já registra 56 casos confirmados com duas mortes. “Tudo indica que o que precisamos fazer é minimizar a circulação do vírus. Fazer tudo que for possível para que o vírus não circule entre nós", disse Fernández.

O decreto emergencial já se especulava nos corredores da Casa Rosada, sede oficial da Presidência, após o país vizinho, Uruguai, restringir a entrada de estrangeiros no país. “A situação é atípica, nunca havia acontecido”, comentou o coordenador da agência da Reunidas, em Passo Fundo, André Rugini. Embora o fluxo de passageiros seja maior entre os argentinos que embarcam na fronteira em direção às praias do litoral catarinense, cerca de duas a três pessoas fazem o caminho inverso e saem de Passo Fundo em direção à Argentina diariamente. “A maioria estuda lá”, mencionou.

Segundo Rugini, com o cancelamento das operações, o cliente que já estava com o bilhete comprado para uma das datas desse período pode pedir reembolso do valor pago, que custa, em média, R$ 150 reais, ou remarcar o dia da viagem.

Gostou? Compartilhe