Número de candidaturas cresce, mas perfil dos candidatos tem poucas mudanças

335 candidatos concorrem à Câmara Municipal e sete a prefeito e a vice

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

Homens, brancos e pessoas com idades entre 30 e 59 anos. Esse é o perfil majoritário dos candidatos nas Eleições Municipais deste ano em Passo Fundo. Apesar de um aumento de mais de 20% no número de candidatos, em relação a 2016, mulheres e negros seguem como minoria nas Eleições. Os dados são do Tribunal Superior Eleitoral, em 01/10/2020 às 13h31.

A participação de mulheres aumentou pouco entre as duas eleições municipais. Elas eram 33,5% dos candidatos em 2016 e representam 33,8% dos candidatos neste ano. Em cada partido deve ser respeitado o mínimo de 30% e o máximo de 70% para candidaturas de cada sexo, de acordo com a Lei nº 9.504/1997.

Neste ano foi determinado também que o Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC) deve ser distribuído pelos partidos de forma proporcional entre as candidaturas de brancos e negros. Em Passo Fundo, o número de candidatos negros (soma de pardos e pretos) cresceu aproximadamente 9,84%. No entanto, o número de candidatos pretos diminuiu, de 7,75% para 6,59%. O aumento ocorreu entre pardos, a participação subiu de 5,28% para 8,02%. O total de negros, 14,61%, ainda não representa totalmente a fatia negra da população passo-fundense, que soma 16,51% da população, de acordo com o Censo de 2010 do IBGE. Além disso, apenas um candidato se autodeclarou indígena. 

Infográfico: Bruna Scheifler/ON

Instrução

O grau de instrução dos candidatos também mudou. Enquanto em 2016 o Ensino Superior predominava, com 32,75% dos candidatos tendo essa formação, neste ano predomina o Ensino Médio Completo, com 35,82% dos candidatos. 

Em relação a ocupação, predominam os candidatos que responderam “outros” (12,3%). Eles são seguidos por empresários (10,03%), aposentados (exceto servidores públicos - 5,73%), comerciantes (5,73%) e servidores públicos municipais (4,87%). Além disso, 15 candidatos responderam que sua ocupação é “vereador” (4,3%). Os advogados representam 4,01% dos candidatos.  

Partidos

Lideram a lista de candidatos o Democratas (DEM) e o Partido Democrático Trabalhista (PDT), com 28 candidatos cada. O Movimento Democrático Brasileiro (MDB), Partido Liberal (PL) e Partido Progressista (PP) completam o topo da lista, com 26 candidatos de cada partido. No final do ranking estão Partido Verde (PV) e Partido Social Liberal (PSL), com 10 candidatos cada, Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) e Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado (PSTU), com 4 cada, Podemos (PODE), com 2, e Unidade Popular (UP), com um candidato.

Crescimento

O número de candidatos a prefeito subiu de 5 para 7 entre as eleições. O aumento de 274 para 335 candidatos a vereador também fez com que o número de candidatos por vaga subisse de 13,05 para 15,95, tornando a disputa mais acirrada.

Gostou? Compartilhe