Autor de latrocínio é preso em flagrante em Erechim

Ele e outros doze detentos haviam fugido do presídio no último domingo (17)

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

Fugitivo do Presídio de Erechim foi preso em flagrante após cometer um latrocínio (roubo seguido de morte) em Erechim. Na tarde desta quinta-feira (21), Bruno Maximo de Campos, de 21 anos, invadiu um estabelecimento comercial armado com um revólver e anunciou o assalto. Quando ele saiu do local para fugir o empresário Rogério Paulo Soccol, de 54 anos, também saiu, momento em que o preso realizou vários disparos de arma de fogo e em um deles acertou a vítima na cabeça que acabou sendo socorrida porém veio a óbito no hospital.

 

O criminoso tentou fugir em sua motocicleta mas logo colidiu em um veículo, então ele passou a fugir a pé até roubar um veículo GM/Prisma. Os policiais encontraram o veículo próximo ao um matagal, e começaram a realizar a buscas no local. A ação conjunta entre a Draco de Erechim e a Brigada Militar localizou o suspeito em uma residência próxima, com ele foi apreendido o revólver usado no crime, dinheiro e quatro celulares. 

 

O preso integrava o grupo de 13 fugitivos do Presídio Estadual de Erechim no último domingo (17) e durante o depoimento ele confessou o latrocínio. Ele tem passagens por roubo, tráfico de drogas, furto qualificado e tentativa de homicídio. Com esta prisão restam sete foragidos Douglas Henrique Campos; Fabrício de Lima; Jeferson Elemar Barbosa da Silva; Lucas Felipe Campos Rodrigues; Ricardo Correia Antunes; Wagner Pacheco Ribeiro e Luis Paulo da Costa.

Gostou? Compartilhe