Contrato prevê 10 mil novas tornozeleiras

Inicialmente, na região de Santa Cruz do Sul

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

A Secretaria da Administração Penitenciária (Seapen) informa que, desde o início deste mês de junho, está implantando novo equipamento de monitoramento eletrônico. Inicialmente, na região de Santa Cruz do Sul.

 

Cerca de 500 dispositivos estão sendo instalados. Na próxima semana, Pelotas receberá outros 500.

 

Devido à crise de falta de vagas para alocação das pessoas presas, o cronograma previsto foi antecipado e, até o fim de agosto, um lote de 5 mil novas tornozeleiras estará à disposição da Justiça, priorizando a Região Metropolitana, onde a demanda é maior. O contrato prevê um total de 10 mil unidades.

 

Mesmo os apenados que progrediram de regime e estão sem o equipamento não ficam sem controle. Todos têm de se apresentar periodicamente aos órgãos da segurança pública, sob pena de serem considerados foragidos e perderem o benefício concedido pela Justiça. Atualmente, no Rio Grande do Sul, cerca de 2,3 mil presos cumprem pena com tornozeleira.

Gostou? Compartilhe