Policiais suspendem greve, mas mantêm Operação Padrão

Por
· 1 min de leitura
 Crédito:  Crédito:
Crédito:
Você prefere ouvir essa matéria?

Com a suspensão da votação dos demais projetos do pacote apresentado pelo governador Eduardo Leite (PSDB), na Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul, a greve dos Policiais Civis foi suspensa.  Segundo o Sindicato dos Escrivães, Inspetores e Investigadores da Policia Civil, deve ser mantido apenas a Operação Padrão, que já dura há mais de umes nas delegacias do estado.

 

“Vamos manter a mobilização e retornar em janeiro com mais força ainda. Nossa categoria mostrou que a mobilização vale a pena”, destacou o presidente da Ugeirm, Isaac Ortiz.

 

Na quarta-feira, (18) os deputados aprovaram por 38 votos a 15 a PLC 503, que altera as alíquotas de contribuição para Previdência dos Servidores Públicos do Estado do Rio Grande do Sul. Segundo o sindicato, na prática, a medida implica na redução salarial dos policiais civis ativos e inativos. “A partir da publicação do PLC 503, policiais que sejam aposentados por invalidez, terão seus vencimentos reduzidos, passando para vencimentos calculados em 50% da média das contribuições”, critica nota da entidade.

 

Após a votação do PLC 503, o Presidente da Assembleia Legislativa informou o recebimento de um ofício do governador Eduardo Leite, retirando o regime de urgência dos demais projetos de Lei do pacote. Com isso, esses projetos só deverão voltar a pauta da Assembleia Legislativa no final de janeiro do próximo ano, em convocação extraordinária do parlamento estadual.

Gostou? Compartilhe