Brigada Militar de Passo Fundo recebe fuzis por meio do PISEG

O armamento foi adquirido por meio da contribuição das empresas BSBIOS, Farmácias São João e Oniz Distribuidora

Por
· 2 min de leitura
Divulgação/ON Divulgação/ON
Divulgação/ON
Você prefere ouvir essa matéria?

A Brigada Militar de Passo Fundo recebeu a doação de seis fuzis, modelo T4. A entrega foi feita na manhã de quinta-feira (30), no estande de tiros, da sede da Associação Beneficente Antonio Mendes Filho (ABAMF). O armamento foi adquirido por meio da contribuição das empresas BSBIOS, Farmácias São João e Oniz Distribuidora, ao Programa de Incentivo ao Aparelhamento da Segurança Pública (PISEG/RS).

O comandante do 3º RPMOn, Tenente Coronel Volnei Ceolin, disse que a doação destes equipamentos é uma forma de fortalecer a segurança pública na região. “Agradecemos a parceria e a confiança das empresas. Essas armas nos dão condições melhores de trabalho e nos colocam em um patamar diferente. O simples fato de portarmos o armamento, já intimida quem pretende cometer algum delito,” destacou o Ten. Cel. Ceolin.

O diretor Comercial da BSBIOS, Leandro Zat, ressaltou que a parceria é fruto da credibilidade que a Brigada Militar construiu ao longo dos anos de atuação. “Estamos honrados em poder acompanhar esse momento único e, muito felizes em poder contribuir com a Brigada Militar. A BSBIOS acredita na força dessa instituição tão importante para a sociedade e, com isso, reconhece a confiabilidade desse trabalho,” disse Zat.

O mesmo foi ressaltado pelo presidente das Farmácias São João, Pedro Brair. “A Brigada Militar tem o respeito e a confiança da comunidade, com essa ação é a sociedade que se fortalece,” frisou ele. O diretor geral da Oniz Distribuidora, José Luis Turmina, destacou que os policiais são os heróis de todos os dias. “Se com esse armamento eles puderem pelo menos salvar uma vida, o valor investido já custou muito barato para nós e para o Estado”, falou. 

A comandante da Força Tática, capitã Graciela Michelotti Dall Ongaro, disse que o equipamento é mais leve, confortável e completo, possibilitando tiros isolados ou rajadas de 30 disparos em 5 segundos e, com um alcance de 600 metros.

Cada fuzil, modelo T4, calibre 556, custa em média R$ 10.000,00 (dez mil reais). Os integrantes da força tática receberão treinamento para o uso dos novos fuzis. A capitã ainda salientou que, as quatro carabinas que estavam sendo utilizadas pela força tática, serão repassadas para o policiamento de guarnições.

Em breve o 3º Regimento ainda receberá, por meio do aporte de recursos ao PISEG, seis espingardas antimotim, calibre 12, para munições de elastômero, seis armas de eletrochoque – Spark e seis rádios comunicador HT – VHF.

No ano de 2019, a BSBIOS se habilitou a participar Programa de Incentivo ao Aparelhamento da Segurança Pública (PISEG/RS), que tem por objetivo o aporte, por meio de recursos correspondentes a até 5% do saldo devido do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), para reforçar e apoiar as ações de segurança do Estado, promovendo a prevenção e o combate à criminalidade.

A BSBIOS aportou R$200.000,00 (duzentos mil reais) para o fortalecimento da Polícia Civil – 6ª DPRI de Passo Fundo, para o aparelhamento do 3ºBPChoque de Passo Fundo, para o Pelotão de Choque/Força Tática – 3ºRPMon de Passo Fundo e para o Fundo Comunitário PRÓ-SEGURANÇA.

Gostou? Compartilhe