Prefeitura anuncia compra de testes para diagnóstico do coronavírus

UPF será responsável pela produção dos testes

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?
O exame de PCR para detecção do vírus causador da Covid-19, que é realizado pelo Ministério da Saúde, deverá estar disponível em Passo Fundo a partir da segunda quinzena de abril. A Prefeitura já autorizou a compra dos insumos para que a Universidade de Passo Fundo (UPF) possa produzir os testes. O objetivo é ampliar a testagem e ter mais agilidade, dando prioridade aos casos de profissionais da saúde, além dos processos do próprio município.
 
O prefeito Luciano Azevedo ressaltou que a falta de diagnósticos precisos prejudica a tomada de decisões, pois sem os testes não é possível saber ate que ponto o vírus se espalhou, nem diferenciar quem está com o coronavírus de pessoas apenas com sintomas semelhantes. 
 
"A ampliação da testagem nos dará informações em relação à situação local, permitindo a definição de estratégias de isolamento das pessoas contaminadas com o vírus e evitando a disseminação da doença", observou a secretária municipal de saúde, Carla Gonçalves. 
 
Dois professores da UPF, um imunologista e outro virologista, realizaram o levantamento, descrição e quantidade de insumos necessários para aquisição. Ao todo, são 28 itens.
 
Atualmente, a recomendação do Ministério da Saúde é de fazer testes apenas em casos graves de pessoas com suspeita de coronavírus e profissionais de saúde e segurança com sintomas respiratórios.
Gostou? Compartilhe