Governo estadual destina mais de R$ 8 milhões de reais a hospitais municipais

Portaria que regulamenta repasse da segunda parcela emergencial foi publicada na quinta (4)

Por
· 1 min de leitura
Divulgação/ON Divulgação/ON
Divulgação/ON
Você prefere ouvir essa matéria?

O governo estadual confirmou, na quinta-feira (4) o repasse da segunda parcela do auxílio financeiro federal destinado às santas casas e aos hospitais filantrópicos para atuação no enfrentamento ao coronavírus. Segunda cidade mais afetada pela pandemia, no estado, Passo Fundo vai receber mais de R$ 8 milhões de reais, que serão distribuídos em duas unidades hospitalares do município.

O Hospital São Vicente de Paulo (HSVP), contudo, será o centro de saúde a ser contemplado com as maiores cifras. De acordo com a planilha da Secretaria Estadual de Saúde (SES), está previsto uma destinação superior a R$ 5,6 milhões à entidade hospitalar, enquanto o Hospital de Clínicas (HC) deve receber valores que ultrapassam os R$ 3 milhões de reais. 

Os critérios de distribuição desta segunda parcela, segundo o órgão estadual, observam os dados epidemiológicos do avanço da doença, o número de leitos de cada hospital filantrópico que atende por meio do Sistema Único de Saúde (SUS) e os valores da produção dos serviços ambulatoriais e hospitalares de média e alta complexidade realizados por eles em 2019. Também foram incluídos hospitais que ficaram de fora da primeira parcela, assegurada no dia 1º de maio. 

O restante do valor da segunda parcela, estimado em R$ 82,6 milhões, será destinado a 77 hospitais de municípios em gestão plena. Esse novo aporte de receita deverá ser aplicado na aquisição de medicamentos, suprimentos, insumos, produtos e equipamentos hospitalares. Também podem ser utilizados em pequenas reformas e adaptações físicas para aumento da oferta de leitos de terapia intensiva e na contratação e no pagamento dos profissionais de saúde necessários para atender à demanda adicional.

Através de recursos federais emergenciais para a área da saúde, os novos R$ 175,4 milhões que entraram nos cofres do estado ontem totalizam R$ 224,8 milhões destinados a 235 hospitais desde o início do movimento de suporte financeiro ao Rio Grande do Sul para o enfrentamento da Covid-19. 

Gostou? Compartilhe