Por falta de medicamentos, Hospital São Vicente de Paulo não receberá mais pacientes

Decisão será mantida até a entrega do medicamentos comprados pela instituição

Por
· 1 min de leitura
A ocupação na UTI Covid no hospital é de 100% (Foto de Fundo: Divulgação/HSVP)A ocupação na UTI Covid no hospital é de 100% (Foto de Fundo: Divulgação/HSVP)
A ocupação na UTI Covid no hospital é de 100% (Foto de Fundo: Divulgação/HSVP)
Você prefere ouvir essa matéria?

O Comitê Especial de Gerenciamento de Crise para Enfrentamento ao Coronavírus do Hospital São Vicente de Paulo (HSVP) de Passo Fundo emitiu nota, no final da tarde desta quinta-feira (25), para todos os órgãos de saúde pública, que, devido ao nível atual de ‘catástrofe hospitalar' que a instituição está vivenciando em razão da falta de medicamentos, principalmente para pacientes de Covid-19, não receberá mais pacientes até a chegada de novos medicamentos. 

A decisão, segundo o diretor técnico médico do hospital, Adroaldo Malmann, é para garantir o atendimento aos pacientes já internados no HSVP. “Estávamos esperando a chegada dos medicamentos para hoje (25), como não aconteceu, tomamos essa decisão”, informou. A ocupação na UTI Covid no hospital é de 100%, além de outras seis pessoas aguardando por vaga na fila. Já a ocupação dos leitos clínicos é de aproximadamente 80%. O diretor destaca que a decisão vale para todos os pacientes, não apenas para os de Covid-19.

Enquanto os estoques não forem repostos a recomendação do Comitê é a seguinte: 

1. tratamento  de  terapia  intensiva,  especialmente,  em  razão  da  COVID-19,  sejam encaminhados para outras instituicões de saúde, pelos órgãos reguladores e de atendimento pré-hospitalar;

2. tratamento de urgência e emergência, sejam encaminhados para outras instituições de saúde;

3. internações de pacientes com instabilidade clínica que possam evoluir para tratamento intensivo, sejam encaminhados para outras instiuições de saúde, pelos órgãos reguladores , de atendimento pré-hospitalar e médicos solicitantes.

Notícia atualizada à 00:03 de 26 de março para apuração

Gostou? Compartilhe