Instituições de Ensino Superior aderem à campanha de vacinação

UPF integra o grupo das universidades que vai apoiar o SUS no Plano Nacional de Imunização

Por
· 2 min de leitura
Iniciativa prevê cessão de parte de suas estruturas físicas, equipamentos e, em alguns casos, até recursos humanos,Iniciativa prevê cessão de parte de suas estruturas físicas, equipamentos e, em alguns casos, até recursos humanos,
Iniciativa prevê cessão de parte de suas estruturas físicas, equipamentos e, em alguns casos, até recursos humanos,
Você prefere ouvir essa matéria?

O Ministério da Saúde acaba de ganhar fortes aliados na campanha de vacinação contra a Covid-19. O Programa Nacional de Imunização (PNI), que deve começar ainda este mês, terá o apoio do segmento da Educação Superior em todo o país. Instituições de Ensino federais, comunitárias, particulares, estaduais e municipais se uniram e colocaram as estruturas dos campi à disposição do Governo Federal com a finalidade de ampliar a atuação dos profissionais do Sistema Único de Saúde (SUS) na vacinação da população. Essa iniciativa que prevê inclusive cessão de parte de suas estruturas físicas, equipamentos e, em alguns casos, até recursos humanos, visa dar maior potência ao SUS na tarefa de imunizar o maior número de pessoas em menor tempo possível.

“Nós temos uma rede de hospitais universitários, de ensino, filantrópicos e particulares, com profissionais habilitados aos processos pedagógicos das variadas campanhas de imunização nacional e que podem ampliar o potencial de atendimento disponível no SUS”, disse o presidente do Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras (Crub), Waldemiro Gremski, em ofício enviado ao Ministro da Saúde, ao Ministro da Educação, ao presidente do Conselho Nacional de Saúde, ao Presidente do Fórum de Secretários Estaduais de Saúde e ao presidente do Fórum de Secretários Municipais de Saúde. “Algumas instituições educacionais já possuem projetos, em parceria com gestores de saúde municipais, estaduais e do Distrito Federal, junto às Unidades Básicas de Saúde – UBS, diz outro trecho do ofício. Esta iniciativa é uma articulação do Fórum de Presidentes do Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras (Crub), que é formado por diversas associações, como a Associação Brasileira de Instituições Educacionais Evangélicas (Abiee), Associação Brasileira das Instituições Comunitárias de Educação Superior (Abruc), Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais (Abruem), Associação Catarinense das Fundações Educacionais (Acafe), Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), Associação Nacional de Educação Católica do Brasil (Anec), Associação Nacional das Universidades Particulares (Anup), Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif), Consórcio das Universidades Comunitárias Gaúchas (Comung), e Fórum Nacional de Faculdades Comunitárias (Forcom).

Até o momento, mais de 152 instituições já aderiram à iniciativa do Fórum de Presidentes do Crub, em apoio ao SUS e aos Gestores de Saúde, e, até o final de semana, poderão ser mais de 200 Instituições de Educação Superior. Elas estão disponibilizando freezers e geladeiras de alta potência, salas equipadas para as equipes do SUS (quando e onde for o caso), além de computadores e veículos para apoiar essa imunização em todos os Estados e no DF.

Gostou? Compartilhe