Profissionais de Enfermagem realizam carreata pela aprovação de projeto de lei

O Projeto de Lei 2.564/2020 institui o piso salarial nacional para a categoria

Por
· 1 min de leitura
A concentração foi realizada no Cais Petrópolis (Foto: Gerson Lopes/ON)A concentração foi realizada no Cais Petrópolis (Foto: Gerson Lopes/ON)
A concentração foi realizada no Cais Petrópolis (Foto: Gerson Lopes/ON)
Você prefere ouvir essa matéria?

Profissionais de Enfermagem realizam uma carreata hoje (13) em Passo Fundo. A principal demanda da categoria é a provação do Projeto de Lei 2.564/2020, que institui o piso salarial nacional para enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem e parteiras. O projeto também determina que a jornada normal de trabalho desses profissionais não seja superior a 30 horas semanais.

O movimento é nacional e a carreata teve início no Cais Petrópolis, percorrendo a Avenida Brasil até o Boqueirão. Em Passo Fundo, a manifestação foi organizada pelo Simpasso (Sindicato dos Servidores Municipais de Passo Fundo) e SindiSaude (Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos em Serviços de Saúde de Passo Fundo e Região).

Projeto

O Projeto de Lei está no Senado Federal, onde aguarda votação. Apresentado pelo senador Fabiano Contarato (Rede-ES), o PL fixa o piso em R$ 7.315 para enfermeiros. As demais categorias terão o piso proporcional a esse valor: 70% (R$ 5.120) para os técnicos de enfermagem e 50% (R$3.657) para os auxiliares de enfermagem e as parteiras.

O relatório da senadora Zenaide Maia (Pros-RN) contém algumas mudanças em relação ao texto original. Uma delas é a previsão de que a jornada normal de trabalho desses profissionais não será superior a 30 horas semanais. 

*Com informações da Agência Senado

Gostou? Compartilhe