Ana Vilela faz show em prol do Centro Oncológico do HSVP

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

“Que a vida é trem bala parceiro e a gente é só passageiro prestes a partir”, esse é um trecho da bela e inspiradora canção da jovem cantora Ana Vilela que encantou à todos em seu show na noite do dia 18 de dezembro, no Clube Comercial, em Passo Fundo. O evento que contou com 350 pessoas teve toda sua renda revertida para o Centro Oncológico Infantojuvenil do Hospital São Vicente de Paulo (HSVP) de Passo Fundo. Além de realizar o show, Ana visitou as crianças em tratamento e participou da gravação de um clipe da música Trem Bala, que conta com os pacientes oncológicos.

A gerente de marketing do HSVP Fernanda Marini destaca que entrou em contato com Ana logo que sua música começou a circular nas redes sociais. Ao contar sobre o Centro Oncológico e a campanha “Doar é fazer parte da cura”, a cantora quis participar da iniciativa. “Quando a Fernanda nos contatou eu pensei, preciso fazer isso! Ficamos muito felizes com o resultado do show, foi o primeiro que fizemos nesse formato e foi muito lindo. Conhecendo eles então, fiquei apaixonada e estou com o coração cheio”, relatou Ana.

A trajetória de Ana iniciou cedo já que, desde pequena, ela canta. Aos 12 aprendeu a tocar violão, aos 14 começou a compor e hoje, aos 18 vê suas composições cantadas por todo o país. “Quando escrevi “Trem Bala” não pensei em tocar alguém, era para mim, um momento que estava passando. Então, enviei para algumas pessoas para saber a opinião e logo a música se disseminou pelas redes. As pessoas se identificaram com a música, porque a vida passa muito rápido e as vezes esquecemos de coisas simples. Fomos pegos de surpresa com tamanha repercussão”, contou a artista, destacando ainda que ela e seu tio Alexandre Souza estão vivendo um sonho. “Por ela ser muito nova, tenho do dever de protege-la. Estamos muito felizes pois, já recebemos contatos de gravadoras de renome nacional e internacional”, ressalta Alexandre.

Gostou? Compartilhe