Petrobrás anuncia venda das ações da BSBIOS

Empresa detém 50% de participação e já vinha anunciando a intenção de sair do mercado de biocombustíveis

Por
· 1 min de leitura
Planta de Passo Fundo produz 288 mil m³/ano de dieselPlanta de Passo Fundo produz 288 mil m³/ano de diesel
Planta de Passo Fundo produz 288 mil m³/ano de diesel
Você prefere ouvir essa matéria?

A Petrobras Biocombustível (PBio) informou na sexta-feira que vai vender a totalidade das ações que tem na BSBIOS, de Passo Fundo. A PBio, subsidiária da Petrobrás, detém 50% de participação e fará a venda em conjunto com a sócia RP Biocombustíveis S.A, controladora dos 50% restantes. O processo de venda das ações  será conduzido pela PBio.

A BSBIOS tem usinas de biodiesel em Passo Fundo e em Marialva, (PR). A empresa anunciou aporte de R$ 72 milhões, sendo que desse valor R$ 47 milhões será utilizado nas ampliações e R$ 25 milhões em capital de giro. A BSBIOS encerrou 2018 com receita líquida de R$ 2,84 bilhões,

Capacidade

A usina local tem capacidade para produzir 288 mil m³/ano, devendo ampliar a capacidade para 2020 para 414 mil m³/ano, com investimentos que está fazendo na sua planta. A usina pode esmagar 1.152 mil toneladas/ano e armazenar 120 mil toneladas de grãos, 60 mil toneladas de farelo e 7,5 mil m³ de biodiesel. A BSBIOS é líder do na produção de biodiesel no país e foi a primeira empresa brasileira a exportar o produto. Hoje mantém relações comerciais com 32 países. A direção da empresa preferiu não se manifestar a respeito da decisão da Petrobras.

Saída do mercado

A saída do segmento de biocombustíveis, não é novidade. Ela vinha sendo anunciada pela Petrobrás desde 2016, mas foi agilizada neste ano. A empresa já fez quatro operações neste sentido. Vendeu participação na Belém Bioenergia Brasil (BBB); iniciou a etapa de divulgação da oportunidade referente à venda da BSBIOSS, agora confirmada; venda das ações de emissão da Bioóleo Industrial e Comercial S.A. (Bioóleo) e a dissolução da Participações em Complexos Bioenergéticos S.A. (PCBios).

Gostou? Compartilhe