Entidades empresariais debatem o piso regional

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

O Governo do Estado reúne-se nesta segunda-feira (5), às 17h, com os dirigentes das federações empresariais para tratar do índice de reajuste do piso regional em 2013. Foram convidados os representantes da Federasul, Fiergs, Fecomércio, FCDL e Farsul. A reunião será coordenada pelo secretário do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (Cdes-RS), Marcelo Danéris. Atualmente, o piso regional é referência para 1,135 milhão de trabalhadores.

O reajuste deste ano, aprovado pelo Legislativo em março, foi de 14,75%, com valor de R$ 700 para a faixa I. Atendendo a solicitação das federações empresariais, o Governo retardou para 1º de março de 2012 a data de entrada em vigor do salário regional. A partir de 2013 o reajuste vigorará em 1º de janeiro, mesma data do salário mínimo nacional.

A pedido do Tarso Genro, a busca de uma política permanente de reajuste do salário mínimo regional voltou a ser debatida no âmbito do Cdes-RS. Dia 17 de setembro, Danéris esteve com os dirigentes das centrais sindicais, que solicitaram reajuste de 13% para o salário mínimo regional, a vigorar em 1º de janeiro de 2013, além de uma política permanente que considere a média de crescimento do PIB gaúcho e nacional dos dois últimos anos mais a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). Na ocasião, participaram a Central Única dos Trabalhadores, Nova Central, União Geral dos Trabalhadores, Força Sindical, Central dos Trabalhadores do Brasil e Central Geral dos Trabalhadores do Brasil.

Governo do Estado

Gostou? Compartilhe