Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo digital já está disponível no RS

A geração do CRLV eletrônico não tem custo

Escrito por
,
em

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Proprietários de veículos registrados no Rio Grande do Sul já podem utilizar a versão eletrônica do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV), documento que atesta que o veículo está licenciado para circulação.

O documento pode ser gerado em um smartphone ou outro dispositivo móvel pelo aplicativo gratuito Carteira Digital de Trânsito, desenvolvido pelo Serpro para o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e viabilizado, no RS, pela Procergs e pelo DetranRS. Assim como a CNH Digital, a versão eletrônica do CRLV traz todas as informações do documento impresso e tem a mesma validade jurídica do CRLV físico.

O CRLV Digital foi apresentado pelo DetranRS no lançamento do portal rs.gov.br, plataforma concentra os serviços digitais oferecidos ao cidadão pelos órgãos de governo, na quarta-feira (6/11), no Palácio Piratini. “O CRLV Digital, documento que chancela o licenciamento do veículo, agora pode estar na palma da mão, tal como a CNH Digital, que é um sucesso de adesão no RS, o terceiro Estado com mais documentos eletrônicos gerados. É mais uma comodidade para o motorista gaúcho”, disse Enio Bacci, diretor-geral do DetranRS.

Para ter o documento digital, o proprietário do veículo licenciado no RS deverá baixar o app no Google Play e App Store – o cadastramento pode ser realizado no próprio aplicativo. Tanto a CNH como o CRLV digital poderão ser acessados pelo dispositivo móvel mesmo offline. A geração do CRLV eletrônico não tem custo.

Compartilhamento

O CRLV Digital pode ser compartilhado para outra pessoa que utiliza o mesmo veículo, desde que ela já tenha instalado, em seu dispositivo móvel, o aplicativo da Carteira Digital de Trânsito (CDT). O compartilhamento pode ser realizado para até cinco pessoas ao mesmo tempo.

Quem recebe o CRLV digital não consegue exportar ou compartilhar o documento, mas pode apresentá-lo às autoridades de trânsito. Quando o proprietário do veículo não quiser mais compartilhar o documento, basta cancelar a opção no app.

Segurança

O documento digital do usuário fica protegido por uma senha de acesso de quatro dígitos, exigida para o login na Carteira Digital de Trânsito. O acesso ao aplicativo pode ser feito também com a impressão digital do usuário nos dispositivos móveis que tenham leitor por biometria.

A autenticidade do documento é garantida pelo QR Code, que pode ser lido para verificar se há alguma falsificação no documento durante uma fiscalização de trânsito. O procedimento de obtenção do CRLV e da CNH Digital é 100% on-line, não sendo necessário o comparecimento do proprietário ao Detran de seu Estado.

 

Gostou? Compartilhe