Viagem Segura registra 200% mais casos de embriaguez ao volante

Apesar do aumento de motoristas alcoolizados, acidentes reduziram em 60%

Por
· 1 min de leitura
1.164 veículos foram flagrados em excesso de velocidade1.164 veículos foram flagrados em excesso de velocidade
1.164 veículos foram flagrados em excesso de velocidade
Você prefere ouvir essa matéria?

A Operação Viagem Segura encerrou às 23h59 da terça-feira (3) com aumento de 200% nos casos de embriaguez ao volante, queda no número de acidentes nas rodovias estaduais e três mortes nas regiões Norte e Noroeste do Rio Grande do Sul. Os números foram divulgados na tarde de ontem pelo Batalhão Rodoviário da Brigada Militar (BRBM) e compreende uma extensão de mais de 4 mil quilômetros de pista.

 

Durante a operação, que começou no dia 1º de março, 3.075 veículos foram fiscalizados, 4.923 pessoas foram identificadas, e 917 multas por infração de trânsito foram aplicadas. Desses, 1.164 veículos foram flagrados em excesso de velocidade, 43 condutores foram autuados por dirigir alcoolizado, duas pessoas foram presas por embriaguez ao volante e outras 11 pessoas foram presas por outros crimes. Entre os acidentes, 5 tiveram danos materiais, 10 lesões corporais e 3 resultaram em mortes.

 

O primeiro deles aconteceu na tarde de sábado (2) no km 8 da ERS 142, em Não-Me-Toque, onde um passageiro de um veículo VW/ Golf, menor de idade, morreu. O segundo foi na manhã de segunda-feira (4), no km 152 da ERS 342, em Cruz Alta, onde um passageiro de um veículo GM/Celta, de 24 anos, morreu no local.  O último caso ocorreu na madrugada de terça-feira (5), no km 229 da ERS 324, em Vila Maria, onde um motociclista de 31 anos morreu.

 

Em relação ao ano passado, a queda foi de 60% o número de acidentes com danos materiais, 62% os acidentes com lesões corporais e acidentes com morte se manteve na mesma proporção. Já entre os índices que tiveram aumento nos dados estão o número de veículos fiscalizados (mais de 61%), pessoas identificadas (55%), autuações por embriaguez ao volante (200%) e autuações por radar fotográfico (405%).

 

Operação

A operação contou com apoio do efetivo que trabalha nas sessões administrativas das companhias e pelotões rodoviários, dos 28 novos policiais do Curso Básico de Formação Policial Militar (CBFPM) e do efetivo do 1º BRBM em Passo Fundo. Segundo nota da BRBM, para a operação também foram intensificadas a fiscalização nas abordagens com maior identificação de veículos e condutores, casos de excesso de velocidade, observância aos locais de ultrapassagem e uso dos equipamentos de segurança obrigatório. “Situações estas responsáveis pela grande maioria dos acidentes com morte nas estradas”, diz trecho.

 

Gostou? Compartilhe