Centro Oncológico Infantojuvenil completa cinco anos de atuação

No Brasil, a cada ano, cerca de 10.000 crianças desenvolvem algum tipo de câncer

Por
· 3 min de leitura
Centro Oncológico consolidou Passo Fundo como centro de referência para o tratamento do câncer infantojuvenil (Foto Assessoria de Comunicação HSVP/Caroline Silvestro)Centro Oncológico consolidou Passo Fundo como centro de referência para o tratamento do câncer infantojuvenil (Foto Assessoria de Comunicação HSVP/Caroline Silvestro)
Centro Oncológico consolidou Passo Fundo como centro de referência para o tratamento do câncer infantojuvenil (Foto Assessoria de Comunicação HSVP/Caroline Silvestro)
Você prefere ouvir essa matéria?

Há cinco anos saía do papel um sonho de muitas pessoas e que transformou o atendimento oncológico de crianças e adolescentes no norte e noroeste do estado do Rio Grande do Sul. No dia 15 de junho de 2016 o Centro Oncológico Infantojuvenil do Hospital São Vicente de Paulo (HSVP) de Passo Fundo, iniciou suas atividades em um espaço colorido, aconchegante e moderno, decorado com o tema “espaço sideral”, preparado em estrutura física e de equipe para servir de forma ambulatorial aos pacientes em tratamento oncológico. Este foi um passo importante na consolidação da Instituição como referência para o tratamento do câncer infantil.

O Centro Oncológico Infantojuvenil foi idealizado no ano de 2009 a partir da percepção de que a região necessitava de um local preparado para diagnosticar e tratar adequada e dignamente os casos de câncer de crianças e adolescentes. A primeira iniciativa foi capacitar os profissionais para atender crianças no momento do diagnóstico e poder acompanhá-las em sua reabilitação. Muitas especialidades médicas como as equipes de Intensivismo, Cirurgia Pediátrica, Neurocirurgia, Ortopedia Pediátrica, Cirurgia Oncológica, Cirurgia de Cabeça e Pescoço e Anestesiologia, passaram a ter como rotina a atenção à criança com câncer. Além disso, profissionais de Enfermagem, Odontologia, Nutrição, Psicologia, Assistência Social, Fisioterapia, dentre outras disciplinas, são fundamentais hoje no cuidado desses pacientes.

Depois disso, em 2016, a partir de recursos públicos e privados, foi concluída a construção do Ambulatório para consultas e quimioterapia, além de uma ampla brinquedoteca e do Projeto Classe Hospitalar Escola de Vida, que permitem que as crianças transitem por um ambiente lúdico, acompanhado por professores empenhados em fazer com que, o impacto do afastamento social imposto pelo tratamento seja amenizado e, após concluir a terapia, a criança possa plenamente retomar suas atividades.

Em 2018 o Centro Oncológico Infantojuvenil e o Instituto do Câncer Infantil ampliaram a parceria, com o intuito de aumentar a capacidade do Hospital em diagnosticar e tratar todos os tipos de neoplasias da infância e adolescência e também melhorar as instalações para os pacientes durante os longos períodos de internação. Essa parceria culminou com a elaboração da campanha “Leão da Coragem e o Planeta Cura”, lançada em outubro de 2020, buscando recursos para a reforma de uma ala especial de internação onde os pacientes ficarão sob cuidados diferenciados de uma equipe exclusiva, além de ter mais conforto e ludicidade. 

83 pacientes em 2021

No Brasil, a cada ano, cerca de 10.000 crianças desenvolvem algum tipo de câncer. O câncer é a principal causa de morte por doença dos 0 aos 14 anos de idade. Por outro lado, com diagnóstico precoce e centros preparados para o tratamento é possível resgatar e reabilitar a maioria dos casos.

O Hospital São Vicente de Paulo é referência para oito Coordenadorias de Saúde, totalizando 226 municípios e uma população de 2.076.312 habitantes. Neste cenário, o número de crianças em atendimento foi crescendo ao longo dos anos, em 2016, 56 novos pacientes chegaram para atendimento na Instituição, em 2020 esse número subiu para 66 novos pacientes, sendo que em 2021, 83 pacientes estão em tratamento.

Uma causa de todos

O Câncer Infantojuvenil é um problema de saúde pública, por isso a participação de comunidade, poderes públicos e entidades, além dos hospitais, é fundamental para o combate à doença. Nesta luta, o Hospital São Vicente une forças a parceiros para melhorar cada dia mais o atendimento aos pacientes.

Neste sentido, o Hospital destinou uma área de 463,8 m², que será reformada e possibilitará a implantação de 15 leitos de internação, entre isolamento e enfermaria, que beneficiarão os pacientes infantojuvenis em tratamento oncológico. Hoje, os pacientes não têm uma ala específica para a internação e a nova unidade trará mais conforto e ludicidade, além de equipamentos e infraestrutura adequada, com profissionais especializados na área, atuando no atendimento às crianças e adolescentes em tratamento.

Para a reforma, uma campanha está em andamento, em parceria com o Instituto do Câncer Infantil (ICI), de Porto Alegre, intitulada “Leão da Coragem e o Planeta Cura”.  A meta é arrecadar R$ 1 milhão de reais. A captação das doações está sendo feita por meio da Central de Doações do ICI e está entrando em contato com a comunidade e empresas da região de Passo Fundo. No entanto, quem quiser fazer uma doação, pode entrar em contato pelo fone (51) 99230-9593. Caso você queira saber mais sobre o trabalho, projeto, é possível visitar o Espaço Planeta Cura, localizado na rua XV de Novembro, 415, térreo, de segunda a sexta, das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30. Mais informações em (54) 2103 4132.


Gostou? Compartilhe