Francisco Lupatini renuncia à presidência do PSL em Passo Fundo

Em nota, alegou que o partido "não mais representa o projeto que levou Jair Messias Bolsonaro à vitória"

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

Após meses de especulação e tensões internas, Fransciso Emílio Lupatini renunciou à presidência do PSL de Passo Fundo. 

Em nota, alegou que o partido "não mais representa o projeto que levou Jair Messias Bolsonaro à vitória", anunciando também "a desfiliação imediata" da sigla. Bolsonarista, ele disse que o PSL está se aproximando de vertentes "socialistas, comunistas, adeptas do “toma-la-dá-cá” e tantas outras práticas nocivas, agora sucumbindo aos mesmos males na preparação para o pleito municipal de 2020".

Agora integrante do Aliança pelo Brasil, Lupatini disse ao grupo estar "tirando um peso das costas ao sair fora de uma executiva, onde a maioria dos membros ainda estão presos a um sistema corrupto".

Gostou? Compartilhe