HSVP recebe Certificado de Energia Renovável pelo uso de 100% de energia elétrica limpa

Com a utilização de energia elétrica de fonte renovável o Hospital contribuiu para reduzir a emissão de gases de Efeito Estufa

Por
· 2 min de leitura
Para 2021, o Hospital São Vicente de Paulo, já tem planejado o início da implantação do Programa de Eficiência Energética (Foto: Divulgação/HSVP)Para 2021, o Hospital São Vicente de Paulo, já tem planejado o início da implantação do Programa de Eficiência Energética (Foto: Divulgação/HSVP)
Para 2021, o Hospital São Vicente de Paulo, já tem planejado o início da implantação do Programa de Eficiência Energética (Foto: Divulgação/HSVP)
Você prefere ouvir essa matéria?

O Hospital São Vicente de Paulo (HSVP) recebeu da empresa Ludfor o “Certificado de Energia Renovável” pelo uso de 100% de energia elétrica limpa, de 2016 a 2020. O reconhecimento foi entregue, devido ao consumo de energia elétrica nas instalações do HSVP ser 100% proveniente de fonte limpa (Solar, Eólica, Biomassa, PCH e CGH) totalmente renovável e que não agride o meio ambiente. Esta, é uma das várias iniciativas e projetos que estão de acordo com os princípios e valores do Hospital, que visam a sustentabilidade e o cuidado ao meio ambiente, já que, a instituição entende que o cuidado às pessoas, passa também pela preservação e respeito à natureza.

Com a utilização de energia elétrica de fonte renovável o Hospital contribuiu para reduzir a emissão de gases de Efeito Estufa, sendo 369,47 toneladas de dióxido de carbono (CO2) a menos em 2020 e 2.180,69 toneladas de CO2 desde 2016. Para entender melhor, essa redução de 369,47 toneladas em 2020, equivale a: 10.209 mudas de árvores conservadas por 20 anos; 3.671 veículos leves à gasolina percorrendo 500Km; 920 meios de transporte rodoviários de 1 tonelada de carga por 500 Km e 157 toneladas de papel/papelão enviadas para aterros sanitários, o que mostra a expressiva contribuição da instituição na diminuição do Efeito Estufa, já que, o aumento da emissão de gases como o dióxido de carbono (CO2), é considerado a principal causa do aquecimento global e das mudanças no clima.


No dia 16 de março é celebrado o Dia Nacional da Conscientização sobre as Mudanças Climáticas. A data chama a atenção da população para essa questão e também para a necessidade de ações que reduzam o impacto dessas mudanças sobre a Terra, como esta desenvolvida pelo HSVP.

Para 2021, o Hospital São Vicente de Paulo, já tem planejado o início da implantação do Programa de Eficiência Energética (PEE), desenvolvido pela ANEEL/CPFL, com o objetivo de promover o uso eficiente da energia elétrica, por meio de projetos que demonstrem a importância e a viabilidade econômica de melhoria da eficiência energética de equipamentos, processos e usos finais de energia através de ações de eficiência em iluminação e instalação de painéis fotovoltaicos para geração de energia.

O projeto aprovado contempla a substituição de 6000 lâmpadas fluorescentes por lâmpadas de LED, que consomem 20% menos energia, e a instalação de 256 placas fotovoltaicas para geração de energia elétrica. Conforme o Engenheiro Eletricista do HSVP Cassiano Ricardo Groth estas ações impactam na sustentabilidade tanto do Hospital como do planeta. “Estamos sempre em busca de tecnologias e projetos que melhorem nossos índices em relação ao meio ambiente, e continuem oferecendo qualidade para que a instituição siga produzindo”.

Gostou? Compartilhe