Perfis fake de programas do governo enganam mais de 345 mil pessoas

Auxílio emergencial é a principal página criada para atrair vítimas

Por
· 1 min de leitura
Foto: Arquivo/Agência BrasilFoto: Arquivo/Agência Brasil
Foto: Arquivo/Agência Brasil

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Imitação da página inicial do Internet Banking da Caixa Econômica Federal ou endereços em redes sociais com a logo do Auxílio Emergencial do Governo Federal já enganaram mais de 345 mil internautas brasileiros, segundo um levantamento do dfndr lab, laboratório de segurança digital da PSafe, que detectou 162 páginas falsas no Facebook e 117 perfis fraudulentos no Instagram, que somam milhares de curtidas entre ambas as redes sociais. 

Perfis fakes do governo no Facebook e Instagram enganam mais de 345 mil — Foto: Divulgação/dfndr lab

Perfis fakes do governo no Facebook e Instagram enganam mais de 345 mil — Foto: Divulgação/dfndr lab


Os criminosos, de acordo com o site especializado TechTudo, criam os perfis fake para roubar dados pessoas e disseminar links maliciosos. A falsa sensação de credibilidade, ao imitar a identidade visual dos órgãos federais, redirecionam a vítima, a partir de links, para sites falsos que contêm um formulário para recolher dados pessoais como CPF e senhas bancárias. 

Falso Internet Banking da Caixa — Foto: Divulgação/dfndr lab

Falso Internet Banking da Caixa — Foto: Divulgação/dfndr lab

Como se proteger

Além de notícias falsas e imagens digitalmente manipuladas, as redes sociais são canais férteis para golpes de muitas naturezas. "Por isso, sempre desconfie de links recebidos nessas plataformas e busque confirmar a autenticidade da informação em fontes confiáveis, como veículos de imprensa e sites do governo (terminados em gov.br). Nas redes sociais, confira se há um selo de verificação azul ao lado do nome da página. O ícone indica que se trata de uma conta oficial. Sob a menor sombra de dúvida, não compartilhe seus dados pessoais com sites potencialmente suspeitos", alerta o TechTudo. 

Gostou? Compartilhe