Traficante passo-fundense procurado pela Interpol é preso em Tramandaí

José Paulo Vieira de Mello, conhecido como Paulo Seco, de 48 anos, estava foragido desde o ano passado

Por
· 1 min de leitura
 Crédito:  Crédito:
Crédito:
Você prefere ouvir essa matéria?

José Paulo Vieira de Mello, conhecido como Paulo Seco, de 48 anos, foi preso em Tramandaí, na noite de quinta-feira (10).

 

Natural de Passo Fundo, ele é apontado de ter ligação com o traficante Fernandinho Beira-Mar. Após ser preso, Paulo Seco ofereceu suborno de R$ 1 milhão para os policiais.

 

Seco e as outras oito pessoas, duas delas colombianas, que estavam na casa foram presos por uso de documentos falsos, associação criminosa e corrupção ativa. Também foram apreendidos mais de R$ 100 mil e nove veículos, incluindo uma retroescavadeira e um caminhão.

 

Histórico 


Paulo Seco foi condenado três vezes: em 2007, por tráfico (quatro anos de reclusão), em 2007 de novo, por associação para o tráfico (três anos de reclusão) e em 2014, por tráfico (seis anos de reclusão). A sua ligação em Porto Alegre era com um conhecido traficante, Juraci da Silva, o Jura do Campo da Tuca (hoje preso).

 

Seco estava refugiado no Uruguai quando foi preso por policiais daquele país, em julho de 2010. No mesmo mês foi transferido para o Brasil, onde cumpriu pena até abril de 2016, quando ganhou liberdade condicional e fugiu.

 

Atualmente, o criminoso constava na lista de procurados pela Interpol.

 

Informações: Jornal Zero Hora

Gostou? Compartilhe