Folia de carnaval sem riscos à saúde

Muito mais que alegria é preciso cuidado para evitar qualquer risco à saúde advindo de noites mal dormidas, alimentação inadequada ou ingestão abusiva de bebidas alcoólicas

Por
· 2 min de leitura
 Crédito:  Crédito:
Crédito:
Você prefere ouvir essa matéria?

Deste final de semana até o feriado na próxima terça-feira (17) muita gente vai cair na folia e brincar o carnaval todas as noites. Muito mais que alegria é preciso cuidado para evitar qualquer risco à saúde advindo de noites mal dormidas, alimentação inadequada ou ingestão abusiva de bebidas alcoólicas. Por isso o Medicina & Saúde conversou com uma nutricionista e com um neurologista para auxiliar a todos a manterem a saúde neste carnaval

Além de ter sempre em mente a importância do uso dos preservativos para se divertir sem riscos durante o carnaval, é importante lembrar também que é preciso alimentar-se adequadamente e garantir um mínimo saudável de horas de sono para não causar prejuízos à saúde. Como muitas pessoas costumam frequentar as festas de carnaval durante três, quatro, cinco noites ininterruptas é preciso ter em mente que o corpo precisa de auxílio para conseguir aguentar o ritmo.

Por isso, alimentar-se e dormir bem são imprescindíveis nesse momento. Pensando em contribuir para um carnaval mais saudável, o Medicina & Saúde conversou com dois profissionais, uma nutricionista e um neurologista, para saber quais os principais cuidados que as pessoas devem ter para garantir o fôlego nestes dias.
Então, leia com atenção, aproveite as dicas e bom carnaval

Cuidados com alimentação

Medicina & Saúde - Nos dias de folia as pessoas costumam gastar muita energia durante a noite, mas como é possível recuperar as energias com a alimentação? Quais alimentos deve-se dar preferência nessa circunstância?
Natasha Cibelle Rodegheri - Com alimentação balanceada é possível repor as energias gastas durante o período de folia de carnaval. As principais fontes de energia são os alimentos ricos em carboidratos como sucos naturais, cereais, pães e massas. Atenção: opte sempre pelas versões integrais! Os cereais integrais possuem maior quantidade de fibras e menor índice glicêmico, prevenindo assim, a “falta de energia” durante a festa. Para aumentar a energia e prolongar a saciedade é muito importante combinar na refeição: carboidrato integral, vegetais, proteína magra e gordura de boa qualidade. Um exemplo de lanche completo pode ser um sanduíche com pão integral, peito de frango desfiado com requeijão light, ricota, alface americana, tomate cereja, cenoura ralada e um filete de azeite de oliva. Prepare-se e leve na bolsa porções de frutas ou frutas secas e oleaginosas, barrinhas de frutas, cereal ou de proteína para consumir durante a festa. Ao contrário, a alimentação inadequada pode te deixar com falta de energia. Alimentos com excesso de gordura e de açúcar simples podem afetar a disposição de energia durante a festa. Frituras como pastéis e batata frita, maionese, carnes gordurosas tendem a demandar de muita energia para sua digestão.

Medicina & Saúde - Com relação ao consumo de bebidas alcoólicas, quais os cuidados a tomar para não prejudicar a saúde?
Natasha Cibelle Rodegheri - Todos sabemos que o consumo excessivo de bebidas alcoólicas é prejudicial à saúde. E, para quem está cuidando da alimentação com o objetivo de reduzir gordura corporal e/ou ganhar massa muscular o álcool pode ter maior influência negativa. As bebidas alcoólicas possuem elevado valor calórico e não possuem nutrientes essenciais, além de afetar a absorção dos nutrientes dos alimentos. Sem absorção adequada de nutrientes, não há o crescimento esperado de massa muscular. Esse fato se torna ainda mais prejudicial para as mulheres (que possuem menos enzimas que degradam o etanol e menor quantidade de massa muscular). Lembre-se sempre de intercalar bebida alcoólica com água, pois um dos efeitos do álcool é a desidratação. Outra dica é diluir a caipirinha, vodka ou whisky adicionando gelo.

Gostou? Compartilhe