Município irá realizar investimentos para acesso à internet por professores e alunos da rede municipal

A proposta inclui a reestruturação da rede e a compra de notebooks para escolas, entre outras medidas

Por
· 2 min de leitura
O Município também iniciará os encaminhamentos para a internet patrocinada de estudantes e professores (Foto: Gerson Lopes/Arquivo ON)O Município também iniciará os encaminhamentos para a internet patrocinada de estudantes e professores (Foto: Gerson Lopes/Arquivo ON)
O Município também iniciará os encaminhamentos para a internet patrocinada de estudantes e professores (Foto: Gerson Lopes/Arquivo ON)
Você prefere ouvir essa matéria?

Um pacote de ações para ampliar e qualificar o acesso à internet por alunos e professores da rede municipal foi apresentado pelo prefeito, Pedro Almeida, nesta terça-feira (01), durante visita à Escola de Ensino Fundamental Daniel Dipp. A proposta contempla a reestruturação da rede e a compra de notebooks para escolas, auxílio para a aquisição de computadores por educadores e o custeio dos dados utilizados para a navegação nos ambientes virtuais utilizados para as aulas.

Ao anunciar as ações, o prefeito considerou que os investimentos são necessários não somente em um momento com atividades à distância, mas também para o futuro. “O progresso tecnológico está presente no nosso dia a dia, assim como na educação. Muitas transformações que viabilizam o processo de ensino-aprendizagem durante a pandemia seguirão no cotidiano de alunos e professores. Atento a isso, o Município executará esse projeto que aproxima alunos e professores da internet, proporcionando novas metodologias de ensino”, destacou.

Reestruturação da rede e aquisição de notebooks para escolas

Até o fim do ano, todas as Escolas Municipais de Ensino Fundamental deverão ter concluída a reestruturação completa da rede com novo cabeamento. As Escolas Municipais de Educação Infantil também receberão melhorias, beneficiando os trabalhos administrativos e de gestão.

O objetivo é viabilizar o acesso à internet dentro de todas as instituições. “A fibra chegará na escola e distribuiremos o sinal via cabo coaxial. Todas as salas de aula terão um ponto de rede. Teremos acesso a wi-fi em toda a escola também, com ênfase nos espaços públicos”, explica o secretário de Educação, Adriano Canabarro Teixeira.

Junto com esse processo, o Município realizará a compra de notebooks para as instituições. “Estamos trabalhando dentro da ideia dos learning spaces. Os laboratórios de informática serão substituídos por espaços interativos de aprendizagem criativa com o uso de notebooks, que podem ser levados a qualquer espaço da escola”, pondera o secretário.

Auxílio para compra de notebooks por professores e internet patrocinada

O Município também iniciará os encaminhamentos para a internet patrocinada. Adriano indica que medida garantirá o acesso dos estudantes e professores ao ensino remoto e híbrido. “Internet patrocinada significa que os acessos aos ambientes virtuais de aprendizagem, de qualquer lugar, terão os dados pagos pela Prefeitura”, esclarece.

Ainda para dar suporte aos educadores, o Município auxiliará na compra de notebooks. A Secretaria de Educação fará uma pesquisa de equipamentos e subsidiará com R$ 1 mil a compra dos computadores pelos professores que se habilitarem.

Formação dos docentes para o uso das novas tecnologias

Os professores e as escolas estão preparados para as modificações, que impactarão diretamente no ensino, de acordo com o secretário de Educação. “As tecnologias e o acesso à internet podem qualificar sobremaneira os processos educativos. Então, temos trabalhado essa questão junto com a formação de professores. Todos os professores passaram por trilhas formativas, não somente na Semana de Formação Continuada, mas também durante o semestre, voltadas a técnicas, pedagógica e metodológicas sobre a utilização dessas novas tecnologias”, considera.


Gostou? Compartilhe