UPF entre as melhores universidades do mundo

Universidade estreia no ranking mundial da Times Higher Education e tem desempenho no ensino e na pesquisa destacados

Por
· 2 min de leitura
Fotos: Divulgação UPF Fotos: Divulgação UPF
Fotos: Divulgação UPF
Você prefere ouvir essa matéria?

O ranking internacional da Times Higher Education (https://www.timeshighereducation.com/ ) confirma a Universidade de Passo Fundo (UPF) como uma das melhores universidades do mundo. A Instituição já havia sido reconhecida entre as melhores da América Latina e do Caribe por duas vezes consecutivas pela mesma publicação, e agora ingressa no ranking mundial. O ranking destaca, ainda, entre outros aspectos, o desempenho da Universidade no ensino, na pesquisa e na relevância internacional de suas publicações.

A reitora, professora Dra. Bernadete Maria Dalmolin, atribui o resultado ao constante movimento de evolução estimulado na Instituição. “A Universidade está em constante mutação e nos últimos anos ampliamos essa transformação nas mais diferentes áreas do conhecimento ressignificando a nossa missão de instituição promotora de desenvolvimento científico e tecnológico, provedora de formação de qualidade e geradora de novas oportunidades e soluções para um futuro mais próspero à sociedade. O reconhecimento do Times Higher Education, ao nos colocar no grupo de melhores universidades do mundo, evidencia todo esse trabalho realizado até aqui e nos estimula a continuar nesse caminho de crescimento”, pontua.

O vice-reitor de Graduação, professor Dr. Edison Alencar Casagranda, destaca que é uma honra para a UPF estar, de acordo com o World University Rankings da consultoria britânica Times Higher Education (THE), entre as melhores universidades do mundo. “Primeiro, por se tratar de uma das mais importantes análises do ensino superior, baseada em indicadores que mensuram, entre outras coisas, a qualidade do ensino, com destaque para o ambiente de aprendizagem e o desempenho estudantil, a pesquisa e a renda captada da indústria, evidenciando a importância do vínculo que as IES precisam estabelecer com a sociedade. E, segundo, porque a estreia da UPF no ranking mundial, juntamente com outras 9 universidades brasileiras, vem acompanhada de um bom desempenho no ensino”, argumenta.

Casagranda enfatiza, ainda, que a colocação da UPF entre as melhores universidades do mundo demonstra não apenas o reconhecimento por todo trabalho realizado ao longo de mais de cinco décadas, mas aponta que as mudanças, evoluções e reestruturações feitas a colocam no caminho certo. “O mundo evoluiu de forma significativa nos últimos anos. Acompanhamos essas mudanças e nos posicionamos como uma instituição capaz de se reinventar, e proporcionar às pessoas e à comunidade experiências que vão muito além de repassar informações. A construção do conhecimento ocorre em diferentes níveis dentro da Instituição e isso nos motiva a seguir construindo uma Universidade cada vez mais forte, inovadora e dinâmica”, enfatiza.


Times Higher Education

O Times Higher Education (https://www.timeshighereducation.com/) classifica, ao todo, 1.662 instituições de todo o mundo. Neste ano, apenas a UPF e outras oito instituições brasileiras estrearam no ranking que contempla apenas universidades. Ao todo, 59 universidades brasileiras foram listadas no ranking 2022 sendo mais de 70% delas universidades federais e a UPF ocupa uma posição de destaque entre as universidades comunitárias do RS. Nesse mesmo ranking estão instituições como as universidades de Oxford, Harvard e Cambridge. A avaliação leva em consideração 13 indicadores de desempenho, analisando as instituições nos aspectos fundamentais: qualidade de ensino, relevância da pesquisa, projeção internacional e troca de conhecimento com outras instituições no Brasil e no mundo.


Gostou? Compartilhe