Residência Multiprofissional em Cardiologia UPF: aprendizado intenso e futuro promissor

Egresso do curso revela a importância desta especialização na sua carreira profissional

Por
· 2 min de leitura
Uma atenção qualificada aos pacientes cardiovasculares pode contribuir para melhorar os índices dessa doença (Foto: Divulgação/UPF)Uma atenção qualificada aos pacientes cardiovasculares pode contribuir para melhorar os índices dessa doença (Foto: Divulgação/UPF)
Uma atenção qualificada aos pacientes cardiovasculares pode contribuir para melhorar os índices dessa doença (Foto: Divulgação/UPF)
Você prefere ouvir essa matéria?

As doenças cardiovasculares ainda são a principal causa de mortalidade no Brasil e no mundo. Cenário que exige profissionais capacitados para proporcionar uma atenção qualificada e interdisciplinar aos pacientes com essas doenças. Nesse sentido, a Universidade de Passo Fundo (UPF) oferta o Programa de Residência Multiprofissional em Cardiologia, em parceria com o Hospital de Clínicas e a Prefeitura de Passo Fundo, por meio da Secretaria de Saúde. Uma residência que ajuda a potencializar a aprendizagem e capacitar os profissionais das áreas de Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia e Psicologia.

Uma atenção qualificada aos pacientes cardiovasculares pode contribuir para melhorar os índices dessa doença, bem como a qualidade de saúde e de vida da população. A Residência Multiprofissional em Cardiologia teve início em março de 2014 e atua dentro dos princípios e diretrizes do Sistema Único de Saúde, capacitando e especializando os profissionais das diferentes áreas para atuarem, a partir de práticas interdisciplinares e multiprofissionais, no cuidado integral à saúde das pessoas. A duração dessa especialização é de dois anos com carga horária de 60 horas semanais.


“A residência multiprofissional é uma ótima oportunidade de impulsionar o profissional na sua carreira de trabalho”

Um dos egressos da residência em Cardiologia, o enfermeiro Tiago Luan Labres de Freitas, compartilha a sua experiência nesta especialização e as contribuições dela para a sua carreira profissional. Atualmente, ele é mestrando do segundo ano do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre e realiza uma especialização em Gestão em Saúde na Universidade Federal do Pampa, em parceria com a Universidade Aberta do Brasil (UAB).

Para o enfermeiro a residência proporciona um aprendizado intenso e impulsiona a carreira profissional. “A residência multiprofissional é uma ótima oportunidade de impulsionar o profissional na sua carreira de trabalho, pois a mesma possibilita a vivência em vários cenários afins da especialização. A residência, em outras palavras, nada mais é que um ensaio com grandes aprendizados contínuos de ensino em serviço para qualificação profissional futura”, afirma Freitas.

Além disso, essa especialização proporciona uma maior experiência e uma imersão na área. “O programa de residência forma profissionais críticos e reflexivos com grande bagagem de conhecimento para assim atender os pacientes e comunidade de forma mais qualificada e singular possível”, observa o egresso do curso.


Sobre as Residências da UPF:

Além da Residência Multiprofissional em Cardiologia, a UPF oferece a Residência Multiprofissional Integrada em Saúde do Idoso nas áreas de Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia e Nutrição, a Residência Multiprofissional Integrada em Atenção ao Câncer (UPF/HSVP) nas áreas de Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Nutrição, Psicologia e Serviço Social, a Residência Multiprofissional em Atenção ao Câncer (UPF/HC) nas áreas de Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia e Psicologia, a Residência em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial para profissionais de Odontologia e a Residência Integrada em Medicina Veterinária.

A duração dos cursos é de dois anos, exceto no Programa de Residência em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial, cujo prazo de duração é de três anos. Os residentes recebem uma bolsa de aproximadamente R$ 3,3 mil.

As inscrições para os programas de residências da UPF iniciam em outubro de 2021. Mais informações em www.upf.br/residencia.


Gostou? Compartilhe